• 23/10/2020 19:21
Imunização

Após pressão, Anvisa autoriza importação de 6 milhões de doses da Coronavac

  • 23/10/2020 19:21
  • PorEstadão Conteúdo
    Anvisa liberou a importação de 6 milhões de doses da vacina Coronavac
    Anvisa liberou a importação de 6 milhões de doses da vacina Coronavac| Foto: Divulgação

    Após cobrança pública do Instituto Butantan, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou nesta sexta-feira (23), a importação de 6 milhões de doses da vacina Coronavac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com a instituição brasileira. A agência, porém, ainda não se manifestou sobre o pedido de importação da matéria-prima para a fabricação de outras 40 milhões de doses. Pelo acordo entre Sinovac e Butantan, 6 milhões de doses seriam entregues prontas ainda em outubro e o restante teria a produção finalizada no Brasil, com envase e rotulagem realizadas na fábrica do instituto paulista. Como o produto ainda não tem registro de comercialização no Brasil, sua importação fica sujeita a uma autorização excepcional da Anvisa. O órgão ressaltou que as 6 milhões de doses deverão ficar reservadas, "já que o produto ainda não tem registro no País e não pode ser utilizado na população".

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.