• 01/12/2020 14:54
Ofício à PGR

Contratação de Moro por consultoria é alvo de pedido de investigação por deputado do PT

  • 01/12/2020 14:54
  • PorEstadão Conteúdo
    O ministro da Justiça e ex-juiz Sergio Moro. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
    Sergio Moro, ex-ministro da Justiça e Segurança Pública| Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasi

    O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) pediu à Procuradoria-Geral da República (PGR) que investigue a possibilidade de crime de corrupção na contratação do ex-juiz da Lava Jato e ex-ministro da Justiça Sérgio Moro pela empresa norte-americana de consultoria Alvarez & Marsal. Nas redes sociais, Moro negou "conflito de interesses" e disse que a função não está ligada à advocacia.

    Segundo o requerimento feito pelo deputado, a lógica da própria Lava Jato justificaria a investigação já que a Alvarez & Marsal é responsável por administrar a recuperação da Odebrecht e Moro, na condição de juiz, autorizou o acordos de leniência e delações premiadas que beneficiaram a empresa, seus sócios e executivos.

    Além disso, à PGR, Teixeira pede que sejam apurados "valores e condições" tanto da contratação da Alvarez & Marsal pela Odebrecht quanto de Moro pela consultoria norte-americana. Procurados, a consultoria e o ex-ministro responderam que não vão comentar o pedido do deputado.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.