• 23/10/2020 19:01
Iniciativa privada

Com 24 grupos, leilões de saneamento após novo marco são bem-sucedidas

  • 23/10/2020 19:01
  • PorEstadão Conteúdo
    24 grupos participaram das três licitações realizadas até agora.
    24 grupos participaram das três licitações realizadas até agora.| Foto: /

    A primeira leva de leilões após a aprovação do novo marco do saneamento legal tem se mostrado bem-sucedida, indicando a disposição da iniciativa privada em investir no setor. A avaliação é da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que celebrou em nota o resultado dos três primeiros certames realizados desde a sanção da lei. O último ocorreu nesta sexta-feira (23), no qual a Aegea levou a melhor ao oferecer um desconto de 38,46% na tarifa máxima prevista, numa PPP para operação dos serviços de esgoto em 68 municípios de Mato Grosso do Sul. Segundo a CNI, no total, 24 grupos participaram das três licitações realizadas até agora. A primeira envolveu a concessão dos serviços de água e esgoto da região metropolitana de Maceió (AL), em que a empresa BRK Ambiental venceu a concorrência com um valor de outorga de R$ 2 bilhões - um ágio de 12.800%. Além do leilão desta sexta, a Aegea também saiu vencedora no certame realizado na última terça-feira (20) dos serviços de água e esgoto nos municípios de Cariacica e Viana, no Espírito Santo, com deságio de 38,12% em relação à tarifa máxima prevista. "Na avaliação da CNI, os três leilões foram bem-sucedidos e mostram um caminho a ser perseguido. Houve competição limpa e disputada, com participação de 24 grupos privados e públicos, incluindo novos entrantes de outros setores de infraestrutura, que vêm se aproximando desse mercado de saneamento", afirmou a entidade em nota. Os próximos leilões estão previstos para ocorrer nos estados do Rio de Janeiro, Acre e Amapá.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.