• 26/01/2021 21:44
STF

Alexandre de Moraes concede prisão domiciliar ao jornalista Oswaldo Eustáquio

  • 26/01/2021 21:44
  • PorGazeta do Povo
    Oswaldo Eustáquio
    Jornalista Oswaldo Eustáquio é investigado no inquérito que apura manifestações antidemocráticas.| Foto: Reprodução / YouTube / Arquivo

    O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu nesta terça-feira (26) o direito a prisão domiciliar ao jornalista Oswaldo Eustáquio, com a determinação do uso de tornozeleira eletrônica. Eustáquio estava preso preventivamente desde dezembro do ano passado, por determinação do próprio Moares, após o descumprimento de medidas impostas pelo STF. Ele é investigado no inquérito que apura manifestações antidemocráticas.

    Segundo a decisão, ele também está proibido de acessar redes sociais em nome próprio ou de sua assessoria de imprensa e de entrar em contato com diversas pessoas, como a deputada federal Carla Zambelli e os integrantes do movimento 300 do Brasil. Eustáquio não poderá receber visitas ou dar entrevistas, a não ser com autorização judicial.

    Na decisão divulgada pelo STF, o ministro observa que os fatos que levaram à decretação da prisão preventiva do jornalista são gravíssimos e demonstram que o investigado descumpriu, proposital e reiteradamente, as restrições impostas, “agindo a seu livre arbítrio, rasgando a ordem judicial anteriormente proferida, da qual foi devidamente intimado, e desprezando o regramento legal a que se subordinam todos os cidadãos”.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.