Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A Rússia anunciou a eficácia da sua vacina contra o coronavírus, a Sputnik v. Entenda o impacto disso.

A vacina Sputnik V apresentou eficácia de 91,4%

O Instituto Gamaleya anunciou, no dia 14 de dezembro, que a vacina Sputnik V apresentou eficácia de 91,4% ao final dos testes clínicos com mais de 22 mil pessoas.

De acordo com o comunicado oficial, o resultado é com base em voluntários que receberam a primeira e a segunda dose da vacina ou placebo, até o último ponto de controle da fase 3.

Não foram registrados eventos adversos inesperados. Alguns voluntários tiveram sintomas leves, como dor no local da aplicação, febre, fraqueza, cansaço ou dor de cabeça.

Estudos que também estão na fase 3 foram aprovados nos Emirados Árabes Unidos, Bielorrússia, Venezuela e outros países.

Os desenvolvedores disseram ainda que os dados serão submetidos para publicação em periódico científicos. Ainda farão um relatório com os resultados, para acelerar os pedidos de autorização em vários países.

No Brasil, o estado do Paraná possui parceria com governo russo para testar a vacina no país, além de poder produzir ela em terras nacionais no futuro.

Porém, o acordo anunciado em agosto pouco avançou desde então.

Conteúdo editado por:Jenifer Ribeiro dos Santos
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]