i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Rodrigo Constantino

Foto de perfil de Rodrigo Constantino
Ver perfil

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Calma! O planeta não vai derreter e o único risco de inundação vem das lágrimas da esquerda

  • PorRodrigo Constantino
  • 02/06/2017 10:27
Calma! O planeta não vai derreter e o único risco de inundação vem das lágrimas da esquerda
| Foto:

Trump é mesmo um sujeito diferenciado. Ter a coragem de remar contra essa violenta maré vermelha, poderosa, lutar contra esse establishment todo organizado, com tantos recursos e influência na mídia, não é para qualquer um, não é para os fracos. É preciso realmente colocar o que é certo como prioridade, não o que será dito por aí a seu respeito.

A decisão tomada nesta quinta, seguindo mais uma promessa de campanha, de retirar os Estados Unidos do Acordo de Paris do clima foi mesmo o ponto alto de demonstração dessa coragem. A histeria por conta do “aquecimento global” talvez seja a coisa mais estúpida de todos os tempos, que deixará perplexo o cientista do futuro, incrédula a geração de amanhã. Como tanta gente pode ter ficado tão paranóica com um embuste tão evidente?

Já escrevi bastante texto sobre o assunto e ele foi o tema do meu vídeo de hoje na Gazeta do Povo também. Enquanto isso, aproveito para disponibilizar ao leitor um artigo e três vídeos, dois deles de cientistas, e um último meu mesmo, com base em livro de Bjorn Lomborg, o autor de O ambientalista cético Cool It. A incapacidade de debater a sério o caso das “mudanças climáticas” com quem transformou “ciência” em seita é impressionante, e por isso brinquei ontem no Facebook:

Foi só o danadinho do Trump retirar os EUA do Acordo de Paris que imediatamente Weston ficou mais quente. Agora já era: o mundo vai derreter, as calotas polares vão aguar, furacões terríveis vão vir, e Veneza ficará submersa. Bem que Al Gore avisou…

O “homem laranja” vai apanhar (mais ainda) agora, pois mexeu num vespeiro. É muita fé e muito recurso por trás dessa causa ambientalista. Mas calma, gente! O único risco de inundação que temos mesmo vem das lágrimas dos esquerdistas, que não param de cair com cada decisão corajosa de Trump. Não chorem! Leiam esse ótimo texto de Vilma Gryzinski e vejam os vídeos:

Eu acredito que se você assistir a esses 3 vídeos em vez de ficar ligado no noticiário da “fake news”, você não só vai dormir mais tranquilo, sem achar que o planeta está na iminência de derreter, como você vai preservar sua sanidade mental, para não sentir aquela vergonha depois, quando a farsa toda ficar evidente (e a cada ano que passa isso fica mais perto, pois as previsões alarmistas feitas lá atrás por Al Gore e companhia já se mostraram totalmente furadas).

Rodrigo Constantino

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.