Blog / 

Rodrigo Constantino

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Artigos

Mostrar as vítimas do comunismo numa universidade federal? Onde já se viu?!

A Universidade Federal de Santa Catarina (USFC) impediu a realização de um evento em memória das vítimas do comunismo. Com o nome “Semana Vítimas do Comunismo: 100 Anos da Pior Tragédia do Século XX”, o evento aconteceria entre os dias 6 e 10 de novembro, no auditório do Centro Sócio-Econômico da universidade. 

A semana promoveria debates sobre a história e legado dos regimes comunistas e a história não contada da União Soviética. O evento, organizado com apoio da organização americana Victims of Communism Memorial Foundation (Fundação em Memória das Vítimas do Comunismo), tinha palestras confirmadas de Valerii Hryhorash, cônsul da Ucrânia no Brasil, Cristofer Correia, coordenador de Governo do Vontad Popular da Venezuela e Hélio Beltrão, presidente do Instituto Mises Brasil. 

Segundo os organizadores, o evento estava agendado havia um mês, e quase 300 pessoas haviam confirmado presença.

O cancelamento foi denunciado pelo vereador de Florianópolis Bruno Souza (PSL), um dos organizadores do evento, em uma postagem no Facebook. Segundo ele, o evento foi cancelado pela instituição sem explicações. 

“A instituição onde me graduei em Ciências Contábeis rompeu com o espírito acadêmico e científico, de debate de ideias, e passou a perseguir ativamente o pensamento divergente”, disse Bruno.

Arthur do Val, do canal #mamãefalei, e Kim Kataguiri, do MBL, conversam com o vereador Bruno Souza sobre o caso absurdo:

Ou seja, eis o nível de degradação de nossas universidades federais: os militantes podem invadir a reitoria que isso é uma “ocupação” legítima; podem convidar comunistas, invasores, criminosos e terroristas que é “liberdade de expressão”; mas não venham mostrar as vítimas do comunismo, seus fascistas! Não passarão!!!

Ainda há quem tente negar a hegemonia comunista na academia, a guerra cultural em curso, ou até mesmo a existência de comunistas. Isso é coisa do passado, como podemos ver, seus reacionários paranóicos. Estamos acima dessa coisa de esquerda e direita. É por isso que só a esquerda pode falar!

Como o Kim ironizou, uma roda entre PSTU, PSOL e PCdoB, eis o que essa turma considera debate plural de ideias. Já os liberais e conservadores merecem uma bala na nuca, em nome da tolerância, do amor e da liberdade…

PS1: Parece que depois de muita pressão a UFSC resolveu voltar atrás. Menos mal, e mostra como é importante reagir, lutar pelos direitos básicos, pela liberdade.

PS2: Nesse podcast Ideias debatemos a questão do comunismo e as universidades:

Rodrigo Constantino

8 recomendações para você

Sobre / 

Rodrigo Constantino

Economista pela PUC com MBA de Finanças pelo IBMEC, trabalhou por vários anos no mercado financeiro. É autor de vários livros, entre eles o best-seller “Esquerda Caviar” e a coletânea “Contra a maré vermelha”. Contribuiu para veículos como Veja.com, jornal O Globo e Gazeta do Povo. Preside o Conselho Deliberativo do Instituto Liberal.

Saiba Mais

Arquivos

informe seu email e receba nosso conteúdo gratuito