Blog / 

Rodrigo Constantino

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Vídeos

Nicolás Maduro está barrado na festa democrática brasileira – Jovem Pan

Nicolas Maduro, ditador, digo, “presidente” da Venezuela está barrado no baile da posse de Bolsonaro. A decisão, comunicada pelo futuro ministro das Relações Exteriores pelas redes sociais, contraria o protocolo do Itamaraty, segundo o qual todos os líderes da América do Sul costumam ser convidados para as posses dos presidentes brasileiros.

Ernesto Araújo explicou a decisão: “Em respeito ao povo venezuelano, não convidamos Nicolás Maduro para a posse do presidente Bolsonaro. Não há lugar para Maduro numa celebração da democracia e do triunfo da vontade popular brasileira. Todos os países do mundo devem deixar de apoiá-lo e unir-se para libertar a Venezuela.”

Guilherme Fiuza, que tem atacado a “resistência de auditório” da turma “progressista” que precisa enxergar ameaça fascista por todo canto para justificar sua afetação revolucionária, resumiu com perfeição: “Maduro barrado na posse de Bolsonaro. Até que enfim uma resistência de verdade contra a ditadura.”

Nada mais contraditório – e ridículo, convenhamos – do que socialistas que defendem os regimes cubano e venezuelano posando de bastiões da democracia contra a terrível ameaça da “extrema direita”. Mas as coisas mudaram, e o povo já percebeu a farsa. É melhor já ir se acostumando…
Mas não há motivo para desespero: Maduro ainda pode ser convidado para um ato de resistência “democrática” na frente da prisão em Curitiba onde está Lula. Com certeza terá destaque na mídia internacional. Aquela que ninguém mais acompanha…
Rodrigo Constantino

8 recomendações para você

Sobre / 

Rodrigo Constantino

Economista pela PUC com MBA de Finanças pelo IBMEC, trabalhou por vários anos no mercado financeiro. É autor de vários livros, entre eles o best-seller “Esquerda Caviar” e a coletânea “Contra a maré vermelha”. Contribuiu para veículos como Veja.com, jornal O Globo e Gazeta do Povo. Preside o Conselho Deliberativo do Instituto Liberal.

Saiba Mais

Arquivos