• 14/01/2021 10:05
Reabertura das escolas

Em frente à casa de Bruno Covas, grupo protesta a favor da retomada das aulas em SP

  • 14/01/2021 10:05
    • Gazeta do Povo
    Em frente à casa de Bruno Covas, grupo protesta a favor da retomada das aulas em SP
    Rede estadual determinou retorno às aulas presenciais em 1º de fevereiro, mas Bruno Covas ainda não definiu reabertura das escolas na capital paulista| Foto: Leon Rodrigues/Secom

    Aproximadamente 50 pais e mães de alunos de escolas públicas e particulares realizaram um protesto na noite de quarta-feira (13) em frente à casa do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), pedindo a reabertura das escolas na capital paulista. A manifestação foi organizada pelo movimento Escolas Abertas, que pede o retorno voluntário às aulas presenciais de acordo com os protocolos sanitários determinado pelo Plano SP de retomada.

    Na quarta-feira (13), o secretário da Educação do Estado, Rossieli Soares, afirmou, em coletiva de imprensa, que as escolas da rede pública estadual retornarão às atividades presenciais em 1º de fevereiro. Segundo o secretário, as escolas são ambientes seguros contra a transmissão da Covid-19 desde que tomados os cuidados sanitários de prevenção – tese defendida pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

    Na capital paulista, entretanto, ainda não houve definição sobre o retorno das atividades presenciais. Covas deve realizar uma coletiva de imprensa nesta quinta-feira (14) para tratar do assunto.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.