A calopsita furtada do Passeio Público de Curitiba no dia 4 de janeiro foi encontrada nesta semana pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente no bairro Sítio Cercado, conforme a Secretaria Municipal de Comunicação Social nesta sexta-feira (17). A ave foi um dos três animais que desapareceram do parque desde dezembro do ano passado.

Nesta semana, a Polícia Civil divulgou uma foto do pavão levado no dia 25 de dezembro. Nela, o animal aparece morto na mão de um homem, que o segura numa das mãos na região da Praça Zacarias, no Centro. A outra ave perdida, um periquito Jandaia-Coquinho, que também foi levada no dia 4, continua desaparecida.

De acordo com a Secretaria, a calopsita foi encontrada por uma moradora do Sítio Cercado, que ligou para o serviço telefônico da prefeitura, 156, para informar do achado. Ela encontrou a ave em uma gaiola abandonada em uma das ruas do bairro. A assessoria de imprensa da prefeitura afirma que a denúncia foi protocolada na terça-feira (14), quando uma equipe da Secretaria Municipal do Meio Ambiente foi até o local e identificou o animal como a ave furtada. Depois de ser encontrada, a calopsita foi conduzida ao Centro de Educação Ambiental, no Zoológico de Curitiba. O animal estava em boas condições de saúde.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]