Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
 |
| Foto:

Meses atrás, um amigo pediu que eu corrigisse um texto que escrevera para ser publicado em revista acadêmica. Orientou-me que ficasse atento ao uso de vírgulas. No fim das contas, embora o texto apresentasse mais de cinco qualidades, havia muitos problemas, mas de fato as vírgulas estavam esparramadas no texto na mais absoluta anarquia. Meu amigo explicou o método que utilizava: primeiro escrevia todo o texto e depois "sorteava" as vírgulas – essa vai aqui, aquela vai acolá e por aí afora. Desnecessário dizer o potencial de destruição de um "método" desses. Uma vírgula no lugar errado (ou a falta dela) muda radicalmente o sentido de um enunciado.

Para provar isso, vamos analisar estas duas sentenças: 1) "Os deputados estaduais do Paraná que compactuam com os escândalos da Assembleia merecem ser derrotados nas urnas". 2) "Os deputados estaduais do Paraná, que compactuam com os escândalos da Assembleia, merecem ser derrotados nas urnas".

Fica claro que a única diferença é o uso de duas vírgulas na segunda sentença. Mas é o suficiente para que se apresentem pontos de vista diferentes sobre o quadro político paranaense. Na primeira sentença, está dito que APENAS os deputados paranaenses que compactuam com as sujeiras da Assembleia merecem o castigo. A segunda sentença diz que TODOS os deputados compactuam com os escândalos da Assembleia. Portanto, TODOS merecem o castigo.

Juízos políticos à parte, o fato é que em alguns casos não podemos contar com nossa sorte em sorteios. Os dois enunciados acima mostram como as vírgulas são importantes.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]