i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Entrelinhas

Espera calculada

  • PorAndréa MOrais - entrelinhas@gazetadopovo.com.br
  • 20/03/2013 21:08
 | Everson Bressan/ SMCS
| Foto: Everson Bressan/ SMCS

Se não ficou menor, a espera pelos ônibus em seis terminais de Curitiba ao menos se tornou calculada. Cabral, Campina do Siqueira, Capão da Imbuia, Carmo, Centenário e Vila Oficinas já contam com painéis eletrônicos que, além de informar sobre o horário dos ônibus e tempo previsto para a chegada do próximo carro, também trazem orientações variadas aos passageiros.

Por enquanto, 135 equipamentos estão operando. Ao todo, 694 painéis serão colocados em terminais e estações-tubo da capital. A previsão da Urbs é que até o fim do mês todos os terminais estejam com os painéis funcionando. Já nas estações-tubo a expectativa é que a implantação seja concluída até o fim do ano – há alguns implantados, mas apenas para testes.

SOS Telhado

Hoje, a partir das 20 horas, no Restaurante Madalosso, será realizado o Jantar SOS Telhado, que tem por objetivo arrecadar dinheiro para as reformas na Casa da Criança Francisco de Assis. Boa parte dos telhados, pisos e móveis da instituição foi danificada pelas chuvas de verão e agora precisam ser repostos. A entidade atende 100 crianças que recebem educação em período integral. Os convites custam R$ 50 por pessoa. Mais informações pelo telefone 3264 2167.

Logística de fôlego

A retirada da araucária centenária que caiu no Parque Barigui no feriado de carnaval está exigindo uma logística especial: ao menos dois caminhões, funcionários do serviço de parques e agentes de trânsito participam da operação, que começou ontem e deve se estender até hoje. A prefeitura defende a ação porque a árvore está "causando problemas de acesso".

O resto da árvore – agora dividida e desgalhada – ficará no Horto do Gabirotuba à espera de uma definição sobre o destino da araucária. As hipóteses agora são vendê-la e reverter o dinheiro à Fundação de Ação Social (FAS) e destiná-la para estudo em universidades.

Causas no coletivo

Depois que a passagem do ônibus de Curitiba foi reajustada, usuários relatam que caiu sensivelmente o número de pessoas que entram nos coletivos para pedir ajuda – seja por uma instituição social ou em causa própria. Conclusão: com a tarifa em R$ 2,85, as doações têm de ser maiores para compensar o "investimento".

Esta Curitiba eu não quero!

Mostrar com imagens o que mais seduz e o que mais desagrada em Curitiba. Essa é a proposta da Gazeta do Povo aos seus leitores, na comemoração dos 320 anos da cidade. É possível participar pelo twitter, instagram e por e-mail (aniversariocuritiba@gazetadopovo.com.br). As imagens podem ser enviadas com as hashtags #QueroEssaCuritiba ou #NaoQueroEssaCuritiba e #jápragazeta. É fundamental escrever o motivo da escolha. As fotos selecionadas serão publicadas num especial do jornal sobre o aniversário da cidade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.