i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Entrelinhas

Tamanho dobrado

  • PorCláudio Feldens – entrelinhas@gazetadopovo.com.br
  • 22/08/2010 21:08
 |
| Foto:

Um passageiro descobriu por que os micro-ônibus de Curitiba lotam tão depressa: cada vez mais gente usa mochilas nas costas, onde vão um casaco ou o material de escola ou de trabalho. De fato, alguém que embarca no ônibus sem tirar a mochila das costas (foto) ocupa o espaço de dois. Não pense a Urbs que as gaiolas que vai testar em algumas linhas vai resolver a situação. Até porque, quando o ônibus lota, as pessoas vão sendo "empurradas" para o fundo. É uma questão de educação.

Em boa hora

60 mil pessoas visitam o Parque Estadual de Vila Velha todos os anos, e só neste ano já foram 32 mil visitantes. Portanto, é em boa hora que o governo anuncia investimentos de R$ 6 milhões para melhorar o espaço. Haverá dinheiro inclusive para melhor preservar os recursos naturais riquíssimos da região.

O poeta, por excelência

Se estivesse vivo, o curitibano Paulo Leminski completaria 66 anos amanhã. O poeta mais conhecido do Paraná conseguiu fama em todo o Brasil pelo fato de ser multimídia antes mesmo dessa palavra ser utilizada. Foi letrista, gravado por Caetano Veloso. Traduziu John Lennon. Escreveu romances, como Catatau e Agora É que São Elas. Transitou pela publicidade e pelo jornalismo. Sobretudo, deixou o exemplo de que, para viver, é preciso ser mais do que um. É necessário ser muitos.

Campo minado

A campanha publicitária que diz que o curitibano respeita o pedestre não é verdadeira nas calçadas. A quadra da Rua Carlos Cavalcanti na frente do Passeio Público mais parece um campo minado. São obras, crateras, elevações e afunilamentos que colocam em risco quem caminha. Quando chove, a faixa de pedestre fica alagada e é preciso atravessar no meio da rua. Não adianta só o motorista respeitar o pedestre...

Abraço a Eufrásio

Houve um equívoco na entrevista com Malu Gomes na coluna de ontem, sob o título "Aquele Abraço na Eufrásio. O Conseg (Conselho de Segurança) que está promovendo o Dia do Abraço à praça, e que é presidido por Malu Gomes, é o Conseg da Área Central de Curitiba, e não o Conseg Centro. Existem diferentes Consegs na cidade e cada um possui uma área de abrangência específica. Feito o reparo, com as desculpas da coluna.

Reforma feliz

Os recursos que a Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia (APACN) arrecadar com a promoção McDia Feliz 2010, marcada para o próximo dia 28, servirá para realizar a reforma das dependências da Casa de Apoio. A "Reforma Feliz" depende da ajuda de todos, o que pode ser feito desde já. Basta adquirir tíquetes antecipados, no valor de R$ 8,50 cada, para ser trocado por um sanduíche Big Mac, no dia 28 . Informe-se sobre como adquirir: www.apacn.org.br

Praça reformada

A prefeitura de Ubiratan, na Região Centro-Oeste do Paraná, aplicou R$ 1,5 milhão repassado pela concessionária Viapar para reformar totalmente a praça central da cidade. Os repasses são oriundos da cobrança do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), na taxa de 5% sobre a tarifa de pedágio, e eles chegam a 23 municípios servidos pela concessionária. A praça recebeu um novo piso, iluminação e foi ampliada para 10 mil metros quadrados.

* * * * * * * * * * * *

"Os homens não se vendem de graça, o seu amor-próprio lhes marca o preço,mas a concorrência o rebaixa."

Marquês de Maricá, político carioca.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.