i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Paraná

Crea-PR começa a fiscalizar postes da Copel

A ação vai até sexta (9) e vai verificar se as empresas de telefonia e TV a cabo, que compartilham os postes da Copel, estão cumprindo normas de instalação

  • PorGazeta do Povo
  • 05/05/2014 16:30

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) iniciou nesta segunda-feira (5) uma fiscalização preventiva junto às operadoras de telecomunicações que compartilham postes da Companhia Paranaense de Energia (Copel) para a distribuição dos serviços.

O objetivo é verificar o cumprimento por parte das empresas das normas técnicas na instalação e serviços de manutenção nas redes de distribuição de telecomunicações nas cidades do Paraná. Nesta primeira etapa, serão realizadas fiscalizações em Curitiba, Maringá e Foz do Iguaçu. A ação segue até a próxima sexta-feira (9). "É alarmante o descaso que vem ocorrendo por parte das operadoras de telecomunicações. Por conta do descumprimento das normas técnicas, uma série de acidentes de trânsito ou com pedestres ocorrem, causando prejuízos aos municípios e a sociedade paranaense", diz a gerente do Departamento de Fiscalização (Defis) do Crea-PR, Vanessa Moura. Cabos soltos ou fixados com altura inadequada e o emaranhado de fios nos postes, que causam poluição visual nas cidades, estão entre os pontos que serão analisados, assim como outras questões de ordem técnica. "Os cabos baixos podem arrebentar ao se prenderem em veículos altos, o que ocasiona a interrupção dos serviços de telefonia, TV a cabo, internet e energia elétrica. De acordo com a gravidade do acidente, pode ocorrer até mesmo a queda de postes", explica o supervisor de fiscalização de Curitiba e Ponta Grossa do Crea-PR, Maurício Bassani.

Segundo o supervisor, o Crea-PR irá fiscalizar pontos pré-identificados, em consenso com a Copel, com extensão de cerca de cem metros em cada cidade. A partir deste levantamento, os dados encontrados serão estendidos para os demais pontos. Fiscalização interna

Além desta fiscalização externa, o Conselho de Engenharia também fará na primeira quinzena de maio uma ação fiscalizatória focada nas empresas operadoras de telecomunicações e nos profissionais que prestam serviços nas instalações e manutenção de redes. O objetivo é repassar orientações, analisar os serviços prestados e identificar se as empresas contam com responsáveis técnicos.

"O principal objetivo é buscar a garantia da responsabilidade técnica sobre a segurança e a qualidade dos serviços prestados a sociedade e empresas, através da participação dos profissionais da área da engenharia elétrica e telecomunicações", explica Vanessa Moura.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.