i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
RN

Defesa Civil orienta moradores de Pedra Preta a ficar em casa

  • PorFolhapress
  • 02/11/2013 11:00

A Defesa Civil do Rio Grande do Norte orientou os moradores da cidade de Pedra Preta (101 km de Natal) a permanecer em casa, após o fim dos tremores de terra que atingiram a cidade nesta sexta-feira (1º). O município foi atingido por uma série de tremores de baixa intensidade que assustaram a população. O mais forte chegou a 3,7 na escala Richter, segundo o coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Josenildo Acioli.

De acordo com o Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), ainda ontem foi sentido outro tremor na cidade.

Apesar disso, os moradores foram orientados pela Defesa Civil a permanecer em casa. Segundo Acioli, após vistoria e acompanhamento, os técnicos consideraram que não há risco para pedir o abandono dos locais.

Acioli diz ainda que há um plano de emergência feito em conjunto com Exército, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Samu e secretarias estaduais para atender à população caso um abalo mais grave atinja a cidade.

Falhar geológica

O professor e coordenador do laboratório da UFRN, Aderson Nascimento, explica que os abalos ocorrem porque há uma falha geológica na área de Pedra Preta que está se reativando. Segundo ele, não foi registrado nenhum tremor neste sábado (2).

Nascimento afirma que não se pode descartar a possibilidade de tremores mais fortes atingirem o local, pois a falha pode crescer ao longo do tempo. Ele explica que os movimentos estão sendo monitorados e a orientação para os moradores, por ora, é que tentem se proteger da queda de objetos, como telhas, no caso de novos abalos.Segundo o governo estadual, um laudo está sendo feito por técnicos da Secretaria de Infraestrutura para subsidiar a prefeitura sobre a necessidade de reformas em casas que ficaram com rachaduras.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.