i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
"Escória maldita"

DPU solicita ao STJ retirada “urgente” de Sérgio Camargo da Fundação Palmares

  • PorGazeta do Povo e Estadão Conteúdo
  • Brasília
  • 04/06/2020 11:51
O presidente da Fundação Palmares, Sérgio Nascimento de Camargo.
O presidente da Fundação Palmares, Sérgio Nascimento de Camargo.| Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (3), a Defensoria Pública da União (DPU) entrou com recurso no Superior Tribunal de Justiça (STJ) solicitando, com urgência, a retirada de Sérgio Camargo da presidência da Fundação Cultural Palmares.

Em áudio gravado durante uma reunião no dia 30 de abril, a portas fechadas, e que veio a público esta semana, Camargo classificou o movimento negro como "escória maldita" e afirmou que a DPU é um órgão "totalmente aparelhado, totalmente de esquerda". Ouça o áudio abaixo.

Em fevereiro, após Camargo ter sido suspenso do cargo, a pedido da Justiça Federal do Ceará, o presidente do STJ, João Otávio de Noronha, acolheu recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e liberou a nomeação dele.

O pedido da Justiça foi motivado pelas declarações de Camargo em defesa da extinção do movimento negro e contra o que chama de "racismo nutella". Em outros episódios, o presidente da fundação firmou que a escravidão foi "benéfica para os descendentes" e que não classifica Zumbi como um "herói autêntico", mas, sim, "uma construção ideológica de esquerda". "Herói da esquerda racialista; não do povo brasileiro. Repudiamos Zumbi!", disse.

Parlamentares

Após o vazamento do áudio, um grupo de parlamentares pediu que o Ministério Público Federal (MPF) instaure inquérito para investigar as afirmações de Camargo. A entidade Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes (Educafro) também apresentou representação ao MPF contra ele, por crime de racismo.

Os parlamentares consideram que o presidente da autarquia cometeu crime de responsabilidade. Entre os deputados que assinam o documento estão Áurea Carolina (PSOL-MG), Benedita da Silva (PT-RJ), Talíria Petrone (PSOL-RJ), Bira do Pindaré (PSB-MA), Damião Feliciano (PDT-PB), David Miranda (PSOL-RJ) e Orlando Silva (PCdoB-SP).

Para eles, Camargo promove o "desvirtuamento dos objetivos legais" da fundação que comanda, criada para promover e preservar a cultura negra, o que configura desvio de finalidade, abuso de poder e improbidade administrativa. "Não podem as instituições públicas permitir que o presidente da fundação, seguindo o ideário bolsonarista de promoção de ódio e de intolerância, contrarie as normas legais que fundaram e devem orientar a atuação do gestor público", diz o documento.

Ao jornal o Estado de S. Paulo, Orlando Silva afirmou que é "inaceitável ter um racista à frente da Fundação Palmares". "Ali é lugar de promover políticas para superar o racismo estrutural, não fazer proselitismo político." David Miranda disse que as falas de Camargo demonstram que ele está "operando para manter o racismo estrutural no País". "Ele está fazendo apologia à violência contra a população negra", afirmou o parlamentar.

No áudio, Camargo também afirma que não vai destinar "um centavo" para terreiros, em referência aos locais usados por religiões de matriz africana, e classifica Adna dos Santos, conhecida como 'mãe baiana', de macumbeira. Ela prestou queixa contra Camargo na Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial do Distrito Federal.

"Tem gente vazando informação aqui para a mídia, vazando para uma mãe de santo, uma filha da puta de uma macumbeira, uma tal de mãe baiana, que ficava aqui infernizando a vida de todo mundo", disse Camargo, na reunião.

A Educafro considerou que o presidente da fundação incorreu no artigo 20 da Constituição que veda "praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional".

Em nota divulgada na (3) terça-feira, Camargo lamentou o que chamou de "gravação ilegal" de uma reunião interna e afirmou que a Palmares está em "sintonia" com o governo Bolsonaro.

DPU

Frente às declarações de Camargo, a DPU, em nota pública, afirmou que "reforça a necessidade de reflexão constante a respeito da situação da população negra no mundo e, sobretudo, no Brasil. A DPU entende que não há efetiva democracia sem igualdade racial, cabendo à Instituição realizar a intransigente defesa dessa pauta, que não é político-ideológica, mas democrática e humanitária".

"Portanto, é inaceitável a admissão de qualquer vinculação ou preferência partidária, tampouco político-ideológica por parte da DPU. Os 643 defensores públicos federais que compõem a carreira passaram por rigoroso concurso público para defender da primeira instância ao Supremo Tribunal Federal (STF) a população vulnerável, sobretudo aqueles que estão abaixo da linha da miséria, realidade infelizmente ainda presente no Brasil, marcado pela enorme desigualdade social".

Ouça o áudio da reunião:

11 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 11 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • J

    José Vicente bittencourt

    ± 1 dias

    O que percebi no Sérgio Camargo, é que ele é um afrodescendente correto. Ele é contra a violência que os movimentos estão causando, deve ser contra também contra as cotas para ensino superior, etc. O Brasil tem um bocado de racismo, mas, é um racismo enrustido, que poucas vezes é exteriorizado. Portanto, há indícios de igualdade no Brasil. Indícios são alguns sinais, me compreendam.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • H

    Henrique Barros

    ± 1 dias

    Acho que a Defensoria Pública está errada. O embate aparenta ser meramente ideológico.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MICHAEL GUSTAV ADOLF MULL

    ± 1 dias

    O grande racista é o |Governo: criou Cotas para afro-descendentes (chique, né?) , criou Dia da Consciência Negra. Paremos de ser hipócritas: existe gente boa de qualquer cor , raça, religião ou origem . O contrário também é verdadeiro.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    J.A.O

    ± 1 dias

    Defensoria publica foi instituída para defender as garantias e necessidades da menor das minorias - o individuo - não cabendo a esses advogados pagos com dinheiro publico se manisfestar, ou mesmo prestar serviço em favor de associações, grupos étnicos ou qualquer outra entidade similar. Esses por sua vez, tem em seus quandros advogados particulares contratados a peso de ouro. E preciso impor limites a esses Srs.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Aquino Rêgo

    ± 1 dias

    O Vera Verão é mutcho loko.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • Z

    Zenão

    ± 1 dias

    Fico aqui pensando: qual a serventia dessas defensorias públicas para os cidadãos de bem; pra mim: muito pouca; tantas coisas piores acontecem no dia a dia do pais, que prejudicam de fato os brasileiros mais pobres, e eles ficam pianinhos; depois não querem ser criticados, desacreditados etc.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Nico Gavelick

    ± 1 dias

    Realmente o Brasil é um país muito racista. Aqui, os negros são proibidos de ter uma visão de mundo de direita. Criticar os heróis da esquerda virou crime.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    ANDERSON FERNANDO DA SILVA

    ± 1 dias

    Mais uma vez os comunistas caviar concursados nós "órfãos públicos" lutando de toda maneira contra os que tem bom senso e a bandeira conservadora. Esse vitimismo que o PSDB, PT, PSOL, PC do B criaram acerca dos pobres e negros é que não pode se alastrar. Idolatram Zumbi, um grande carrasco para seu povo, como se fosse a Madre Teresa de Calcutá.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Prestes

    ± 1 dias

    Ótimas as posições do Sérgio Camargo. O movimento negro é um puxadinho da esquerda, uma das muitas formas que usam para disseminar os dogmas marxistas e o conflito social. Com tantos cidadãos valorosos para representar a etnia (Rebouças, Machado de Assis, etc), a esquerda foi criar um Zumbi guerrilheiro, uma falsificação rasteira da história. O governo é de direita, essas picaretagens esquerdistas devem acabar mesmo. Ah, e não existe “racismo estrutural”, outra invenção delirante da esquerda.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Celito Medeiros

    ± 1 dias

    Que eu saiba, Zumbi que criou o Quilombo dos Palmares, era um negro Capitão do Mato, portanto, um guarda que açoitava seus irmãos de cor e perseguia os fugitivos. Os Escravistas que trouxeram os negros para as Américas e no Brasil com os Navios Negreiros, eram todos Negros que aprisionaram seus próprios irmãos na África, em rigor a tribos diferentes das deles. Fizeram isto primeiro com Brancos no Mediterrâneo até serem rechaçados, apelaram para tornarem escravos os próprios negros. Crimes de brancos contra negros ou crimes de negros contra brancos, são crimes que precisamos acabar em nossa sociedade. Alma não tem Cor e todo preconceito, seja qual for, é altamente lamentável e criminoso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • T

    Thiago Piedade

    ± 1 dias

    Xiii, já criaram o Ministério da Verdade para decidir o que é fake news, ou apenas já dá para escancarar, no estágio em que estamos, a perseguição de opiniões? Destaque para o trecho "ideário bolsonarista de promoção de ódio e de intolerância" e "cabendo à instituição realizar intransigente defesa dessa pauta, que não é político ideológica..". Mas, pensando bem, vindo dessa DPU... e dá-lhe ingerência no Executivo. Podiam, em todo caso, se posicionar tb com relação às palavras ditas por Celso de Mello, às portas fechadas, para ficar menos feio.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.