i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
crime

Família de suspeito de matar Glauco diz à polícia que não sabe onde ele está

Delegado afirmou que conversou com familiares nesta sexta (12). Crime aconteceu durante a madrugada em Osasco, na Grande SP

  • PorG1/Globo.com
  • 12/03/2010 13:00

O delegado Archimedes Cassão Veras Junior, do Setor de Investigações Gerais de Osasco, afirmou na tarde desta sexta-feira (12) que a polícia já conversou com familiares do suspeito do assassinato do cartunista Glauco e do filho dele, Raoni, na madrugada desta sexta.

De acordo com o delegado, a família afirmou não saber onde o jovem de 24 anos está. Archimedes disse que, pela descrição da família, o rapaz tem perfil "problemático", pois não arrumava emprego e já teve passagem por porte de drogas, possivelmente maconha.

O crime teria acontecido durante uma discussão entre o suspeito e o cartunista. A família ouviu uma discussão durante a noite e foi para fora da casa verificar o que estava ocorrendo. O suspeito e o cartunista estavam discutindo – fato que também foi visto por vizinhos da família.

O suspeito - que tem 24 anos e já teve passagem pela polícia por porte de drogas - atirou em Glauco no momento em que seu filho, Raoni, chegava da faculdade, segundo a polícia. O suspeito também atirou no jovem, entrou em um carro que estava no local e fugiu.

Archimedes disse que o autor do homicídio foi identificado pelas testemunhas como o jovem de 24 anos. "O autor do homicídio é esse indivíduo", disse o delegado. A polícia investiga ainda a possibilidade de envolvimento de outras pessoas, segundo o delegado, "uma ou duas."

Os familiares do suspeito disseram que não sabiam que ele tinha ido à casa de Glauco. A polícia acredita que ele tenha ido conversar porque era frequentador da casa e costumava pedir conselhos ao cartunista.

Os corpos do cartunista Glauco e do filho dele, o universitário Raoni, serão enterrados neste sábado (13), no Cemitério Gethsêmani Anhanguera, em Osasco, na Grande São Paulo.

Os corpos foram liberados pelo Instituto Médico-Legal (IML) de Osasco por volta das 13h30 desta sexta-feira e seguiram para a Igreja Céu de Maria, do Santo Daime, que fica ao lado da casa do cartunista, próximo do local do crime, onde serão velados.

Segundo o Cemitério Gethsêmani Anhanguera, os corpos serão velados na igreja até as 9h de sábado. Ao chegarem no cemitério, haverá mais duas horas de velório. O sepultamento deverá ocorrer entre 11h e 12h de sábado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.