Um homem de 34 anos foi assassinado no início da tarde desta terça-feira (21) na Rua Vicente Machado, no bairro Campina do Siqueira, em Curitiba. Jacir Medeiros Santos, sócio do laboratório de tomografia do Hospital Ônix, recebeu um tiro na região do tórax. Ele chegou a ser atendido por uma equipe médica ainda na rua, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O crime foi registrado, às 13h50, entre as ruas Maria Grodz e Jerônimo Durski, em frente à concessionária de veículos Gran Park, e não no Centro como a Polícia Militar (PM) havia informado anteriormente.

A mulher de Santos teria estacionado o veículo na via para encontrar o marido quando foi abordada pelo bandido que queria roubar o carro, um Honda Civic (placas APC-4429). Para evitar que sua mulher fosse feita refém, Santos teria ido em direção ao assaltante que respondeu com um disparo.

Um jovem de 17 anos que estava com o casal também recebeu um tiro na coxa, mas foi encaminhado ao Hospital Evangélico e não corre risco de morte. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, ele não vai precisar passar por cirurgia.

O bandido fugiu no carro da vítima e o crime será investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos. Até o início da noite, a polícia não havia prendido nenhum suspeito pelo assassinato.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]