Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Confira a reportagem do ParanáTV

Os usuários do transporte coletivo de Curitiba e região metropolitana contam agora com um novo sistema para a recarga do cartão transporte. A tecnologia implantada pela Urbanização de Curitiba (Urbs) amplia de 100 para cerca de 2.000 os postos de carga de créditos das passagens. Além das estações tubo e terminais, todos os ônibus que fazem parte do sistema da Rede Integrada de Transporte (RIT) contam com carregadores do cartão.

Os cartões transporte feitos após 16 de agosto podem ser carregados diretamente nos ônibus depois da compra dos créditos feita pela internet, no site da Urbs, ou após o depósito como vale transporte pelas empresas. Os créditos são carregados automaticamente quando o passageiro encosta o cartão no equipamento de embarque do ônibus.

Já os cartões feitos antes do dia 16 de agosto precisam ser convertidos para a nova tecnologia. As conversões são feitas nos postos de venda e atendimento da Urbs, na Rodoferroviária e nas Ruas da Cidadania Carmo, Pinheirinho, Fazendinha, Boa Vista e Matriz.

A Urbs informou que 40 conversores estão sendo instalados nos terminais da RIT. Nestes equipamentos, a conversão é automática, basta inserir o cartão transporte no equipamento e aguardar o término do processo, que dura em torno de um minuto. Fiscais do transporte coletivo também estão realizando atendimentos para a conversão a partir de equipamentos portáteis.

Ainda segundo a Urbs, os cartões não convertidos continuam funcionando normalmente. Depois de comprar os créditos pela internet, o cidadão efetua a recarga em um dos 94 equipamentos instalados na cidade. Os antigos carregadores só serão desativados quando todos os cartões forem convertidos. Os novos cartões não funcionam nos carregadores antigos.

A carga dos cartões é validada cerca de dois dias depois dos bancos confirmarem o pagamento dos créditos. As compras de créditos pela internet representam 72% das transações da Urbs para cartões transporte. Até agora, cerca de 103 mil cartões foram emitidos ou convertidos dentro do novo sistema, dos quais 40 mil são novos e 63 mil, convertidos.

O novo sistema também deve agilizar o bloqueio de cartões roubados ou perdidos. Basta o passageiro telefonar para 156 e pedir o bloqueio, ou se dirigir a um dos postos da Urbs, na Rodoferroviária e nas Ruas da Cidadania Carmo, Pinheirinho, Fazendinha, Boa Vista e Matriz que no máximo em 24 horas o cartão será bloqueado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]