i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Em São Paulo

Polícia prende suspeito de matar dono de imobiliária nos Jardins

Empresário tinha 70 anos e foi morto ao reagir ao assalto, em que bandido levou relógio avaliado em R$ 177 mil

  • PorFolhaPress
  • 22/03/2013 14:23

A polícia prendeu nesta sexta-feira (22) o suspeito de matar o empresário José Alberto de Camargo Cardoso, de 70 anos, morto após reagir a um assalto, em 27 de fevereiro, no Jardim Europa, bairro nobre da zona oeste de São Paulo. O bandido levou o relógio da vítima, avaliado em R$ 177 mil, na ocasião.

Segundo a polícia, a arma usada no crime teria sido apreendida, mas não informou como ocorreu a prisão, nem o nome do suspeito. No início do mês, a polícia já havia dito que ele tinha sido identificado e que era um ladrão de relógios que agia na região e tinha passagem por roubo e homicídio.

No dia do crime, o empresário notou que era seguido quando dirigia seu Mercedes Benz CLS 350 blindado. O veículo é avaliado em R$ 600 mil. Cardoso, segundo a polícia, decidiu estacionar na imobiliária Esquema, de sua propriedade, e procurar refúgio no local. A imobiliária fica na avenida Europa.

Segundo o depoimento de uma testemunha à polícia, o criminoso parou uma moto preta na porta do local e entrou em seguida. Ele pediu o relógio Patek Philippe que a vítima usava. O empresário se negou a entregar o relógio. O assaltante fez três disparos contra a vítima e fugiu do local com o objeto.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.