Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Cidade de Cruz Machado debaixo da água: cerca de 18 mil pessoas estão ilhadas | Ana Johann/Divulgação
Cidade de Cruz Machado debaixo da água: cerca de 18 mil pessoas estão ilhadas| Foto: Ana Johann/Divulgação

Depois dos temporais que assolaram o estado no último fim de semana, Cruz Machado, no sul do Paraná, acordou ilhada nesta segunda-feira (9). A cineasta Ana Johann, 34 anos, que foi sexta-feira (6) para sua cidade natal produzir um filme, é uma das mais de 18 mil pessoas que não conseguem sair da cidade. Ninguém entra ou sai porque todos os acessos estão interditados por queda de ponte ou alagamento.

"Tentamos ir para Curitiba pela manhã, mas uma estrada estava alagada e uma ponte havia caído", diz Ana. O abastecimento de água está interrompido desde domingo na cidade. O fornecimento de energia elétrica não foi afetado. A cineasta conta que alguns moradores tentaram atravessar os acessos interditados por meio de motos, tratores ou cavalos, mas foram arrastados pela correnteza.

A mãe de Ana tem uma loja de roupas na cidade e, como tantos outros comerciantes, aproveitou que a água baixou para para limpar seu estabelecimento, que estava enlameado pela enxurrada. "Não sei quando volto", diz Ana, desesperada.

A reportagem tentou entrar em contato com Polícia Rodoviária Estadual de União da Vitória, para obter mais informações sobre os acessos à Cruz Machado, mas não obteve resposta até as 20h desta segunda-feira (9).

Veja também
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]