Uma mulher de 64 anos foi presa em flagrante pelo crime de contrabando de medicamentos do Paraguai, por volta 20h30 de quarta-feira (29), na rodovia PR-317, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Floresta.

Segundo a PRE, foram encontradas 500 cartelas, totalizando 10 mil comprimidos, do medicamento Pramil, para disfunção erétil, além de dez cartelas, ou 160 comprimidos, de Disobesi-M, para emagrecer e para eliminar o sono e a fadiga, no casaco e na bagagem da idosa, que estava em um ônibus que realizava o trecho Foz do Iguaçu – Belo Horizonte.

A idosa disse à polícia que a droga seria comercializada na cidade de Barra Mansa (RJ) entre seus amigos, segundo a PRE.

A idosa foi encaminhada à delegacia de Polícia Federal (PF) de Maringá por infração ao Artigo 273 do Código Penal, que trata de falsificação de medicamentos e prevê pena de 10 anos a 15 anos de prisão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]