Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Vida e Cidadania
  3. Simepar recebe relatos de flocos de gelo em Ponta Grossa

Frio

Simepar recebe relatos de flocos de gelo em Ponta Grossa

Moradores escreveram ao Instituto falando sobre uma precipitação por volta das 5 horas desta quinta-feira. Se você viu ou registrou o fenômeno, envie seu relato para a Gazeta do Povo

  • Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Instituto Tecnológico Simepar recebeu mensagens de moradores de Ponta Grossa que contaram ter visto uma precipitação de pequenos flocos de gelo, por volta das 5 horas desta quinta-feira (5). Apesar dos relatos, o instituto não recebeu nenhum registro, em foto ou vídeo, do fenômeno.

O Simepar usa o conceito da Sociedade Americana de Meteorologia para definir o que é neve granular, que seria compatível com a descrição recebida dos flocos de gelo. De acordo com a definição, esses flocos seriam partículas muito pequenas e opacas de gelo, o equivalente a uma forma sólida de chuvisco. Elas são parecidas com pelotas de gelo na parte externa, mas têm diâmetro inferior a um milímetro. A neve granular pode cair em pequenas quantidades e tem origem em nuvens baixas e até em nevoeiros.

O fenômeno não é tão comum no Paraná quanto nos outros estados do Sul do país, por causa da intensidade do frio. No horário, a estação meteorológica do Simepar registrou a temperatura mínima de 7,1° C. Com base em simulações numéricas e levando em consideração as temperaturas e as condições atmosféricas, o instituto afirma que havia a possibilidade de ocorrer a condensação do vapor d'água e a formação de gelo. Imagens de satélite e dados registrados nos pluviômetros indicam que, no horário, havia nuvens baixas, com nevoeiros e chuviscos, que configuram as condições ideais para a formação de neve granular.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE