Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado

Termina na próxima quinta-feira (10) o prazo para que o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM), dê explicações ao seu partido sobre as denúncias de um suposto esquema de corrupção envolvendo o seu governo. O relator do processo, José Thomaz Nonô, se reuniu nesta quinta-feira (3) com a cúpula do partido para discutir o assunto e recolher documentos que contêm as acusações contra o governador.

Meu papel é espinhoso, mas é simples. Tenho de responder seguinte pergunta: ele merece continuar no partido ou ser expulso? Não tenho a pretensão de fazer um inquérito policial, disse após a reunião.

Nonô afirmou que, caso Arruda, não apresente defesa, irá apresentar seu relatório revelia. O governador já recebeu a comunicação do partido. O importante é que ele não se sinta cerceado. Ele tem oito dias. É um prazo justo para que produza a sua defesa.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]