i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Paraná

De olho na reeleição, Richa fará reforma no secretariado

Mudanças devem ocorrer em janeiro e servirão para ampliar o espaço dos partidos aliados no governo. Objetivo é garantir apoios para 2014

  • PorDaniela Neves e Anderson Gonçalves
  • 13/11/2012 21:52
Richa: reunião do secretariado fará balanço dos dois primeiros anos de gestão | Albari Rosa/ Gazeta do Povo
Richa: reunião do secretariado fará balanço dos dois primeiros anos de gestão| Foto: Albari Rosa/ Gazeta do Povo

O governador Beto Richa (PSDB) convocou para hoje uma reunião com todo o secretariado para fazer um balanço de sua gestão e para iniciar o planejamento de 2013. Será a primeira reunião após as eleições municipais, com sinalizações de que haverá uma reforma nos primeiro e segundo escalão da administração estadual.

É esperado que Richa absorva na administração estadual alguns nomes da atual gestão da prefeitura de Curitiba, derrotada na eleição. E também que dê um espaço maior para o PMDB, PP, PSD e PV em busca de um apoio maior para a sucessão estadual de 2014, quando o governador deve concorrer à reeleição. Outro partido que está no radar do governador é o PSC, do deputado federal Ratinho Júnior. Mas a aliança com Ratinho ainda está sendo costurada.

As mudanças no secretariado só devem ocorrer em janeiro, pois o PMDB deve escolher sua nova direção estadual em 15 de dezembro. Somente após os peemedebistas definirem sua nova direção, é que Richa deve discutir nomes do partido para o primeiro escalão.

O principal empecilho para a ampliação do espaço peemedebista no governo Richa seria a vitória do senador Roberto Requião, desafeto do governador, na eleição interna. Na última segunda-feira, 12 deputados estaduais do partido se reuniram com o ex-governador Orlando Pessuti, o senador Sérgio Souza e o deputado federal Osmar Serraglio. O intuito foi tentar aglutinar duas das três alas do partido, a que está mais próxima de Richa e a encabeçada por Pessuti, para impedir que Requião assuma o partido.

Caso a articulação anti-Requião dê certo, comenta-se nos bastidores que o PMDB ganharia mais duas secretarias, além da pasta do Trabalho, ocupada hoje pelo deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli. Mas a informação é desmentida pelos peemedebistas. "Isso é uma coisa estapafúrdia, não há nenhuma negociação para ficar com secretarias. A relação do PMDB com o governo não é fisiológica, é programática, fundada em princípios", rebateu Romanelli, atualmente licenciado do cargo de secretário.

Monitoramento

A reunião com os secretários ocorre no segundo andar do Palácio Iguaçu, em Curitiba, em um Gabinete de Gestão e Informação, espaço que será aberto pelo governador para o monitoramento de ações do governo estadual. Não foram apresentados detalhes de como esse gabinete irá atuar, o que deve ser anunciado hoje.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.