i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Assembleia do PR

Deputados aprovam regulamentação de técnicos das universidades estaduais

Texto define divisão de funcionários em três níveis e prevê a contratação de mais funcionários para o setor. Projeto será enviado ao governador na próxima segunda-feira

  • PorAntonio Senkovski, com informações de Anderson Gonçalves
  • 14/11/2012 09:45

A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep-PR) aprovou por unanimidade, na manhã desta quarta-feira (14), um Projeto de Lei (PL), que prevê mudanças nas categorias dos servidores técnicos das universidades estaduais do Paraná. O texto foi aprovado em terceira discussão e será votado novamente na próxima segunda-feira (19) em caráter de texto final para ser enviado para a sanção ou veto do governador Beto Richa.

O projeto, de iniciativa da Secretaria de Ciência e Tecnologia, pretende substituir a legislação de 1997, que regulamentava o assunto até ser extinta em 2006 por ser considerada inconstitucional. Ela definia apenas uma categoria de servidor técnico das estaduais. No projeto em tramitação atualmente, que pode se transformar em lei, passam a existir três categorias de servidores: nível superior, médio e operacional.

Alguns benefícios também são concedidos pelo texto, como gratificação extra de 15% para algumas categorias e contratação de mais servidores. Os discursos dos deputados que se manifestaram durante a sessão, que foi antecipada para o turno da manhã por causa do feriado, defenderam o projeto.

O deputado Élio Rusch (DEM), vice-líder do governo, disse que com a renovação os trabalhadores não correm riscos de terem perdas nos seus salários. "É uma reivindicação que vem desde 2009 dos servidores, corrige algumas instruções e garante alguns avanços", disse.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.