i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
lava jato

Para oposição, suspeitas mostram que cerco a Lula está se fechando

    • Folhapress Web
    • 29/01/2016 16:17

    Dirigentes e integrantes de partidos da oposição avaliaram que o “cerco está se fechando” contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva após uma fornecedora afirmar que a Odebrecht pagou pela reforma de um sítio usado por ele e sua família.

    LAVA JATO: Acompanhe as notícias sobre a Operação

    Para a oposição, a relação de Lula com as empreiteiras coloca o petista cada vez mais no centro das investigações da Operação Lava Jato e a revelação desta sexta (29) “acaba com a blindagem política” do petista.

    “As evidências se avolumam e é um assunto que não se esgota. Primeiro o triplex, agora o sítio. São elementos demolidores”, afirmou o presidente do DEM, senador Agripino Maia. “Em algum momento, esse laço vai se fechar”, concluiu.

    O líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho (PE), diz que as revelações sobre as relações entre o ex-presidente e empreiteiras envolvidas no escândalo da Operação Lava Jato colocam o petista “sob grave suspeita”. “São fatos contundentes que minam a blindagem política de Lula e colocam em xeque a figura quase mítica do ex-presidente”, afirmou.

    O deputado Bruno Araújo (PSDB-PE) disse que, agora, o próximo passo é apurar quem “demandou os serviços das empreiteiras no sítio” de Atibaia, usado pelo ex-presidente. “Uma obra dessa tem que ser demandada. Nitidamente Lula ficou libertino com essas relações”, afirmou.

    Lula e Marisa são intimados pelo MP para depor sobre triplex no Guarujá

    Leia a matéria completa

    Para o líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (SP), não foi apenas Lula que se beneficiou da relação com empreiteiras. “Seu instituto recebeu milhões de empreiteiras por palestras, ele viajou o mundo de carona em jatinhos dessas empresas, seus filhos também foram beneficiados e ainda temos ‘presentes’, as reformas que, ao final das investigações, poderão ser caracterizadas como propina”, afirmou o deputado.

    Já o líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado (GO), ressaltou que o avanço das investigações sobre o ex-presidente indicam o favorecimento de lula junto a empresas investigadas.

    “O Petrolão não nasceu sem pai. Um esquema criminoso desse, altamente organizado, tinha um comando que vinha das maiores instâncias do Palácio do Planalto para manter um grupo no poder e o enriquecimento ilícito de agentes públicos”, disse.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

      Receba Nossas Notícias

      Receba nossas newsletters

      Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

      Receba nossas notícias no celular

      WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

      Comentários [ 0 ]

      O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.