Virgínia Magrini em evento sobre o câncer de mama: queixa na polícia. | Câmara Municipal de Dourados/Divulgação
Virgínia Magrini em evento sobre o câncer de mama: queixa na polícia.| Foto: Câmara Municipal de Dourados/Divulgação

A vereadora Virgínia Magrini (PP), de Dourados, no Mato Grosso do Sul, prestou queixa contra um colega parlamentar, o vereador Maurício Lemes (PSB). Ele teria passado a mão em suas nádegas durante um evento na Câmara Municipal de Dourados na última segunda-feira (8).

O episódio foi confirmado pela Câmara, por meio de sua assessoria de imprensa. De acordo com a Casa, o vereador cometeu o assédio enquanto Virgínia e outros parlamentares posavam para uma foto, solicitada pela vereadora para registrar a entrega de uma homenagem a um policial.

A Câmara informou ainda que não irá negligenciar o ocorrido e que abrirá uma sindicância depois que o caso passar por uma comissão de ética.

Também por meio de sua assessoria, a vereadora Virgínia Magrini afirmou que prefere não comentar mais o caso, mas que registrou um boletim de ocorrência na Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Dourados, na terça-feira (9).

O vereador Maurício Lemes foi procurado, mas não retornou o contato. Em suas redes sociais, ele descreve como professor universitário, músico e empreendedor social. Lemes afirma que tem “uma vida dedicada ao bem estar da população de Dourados”. A frase “Respeito por você” é o slogan do parlamentar.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]