Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Duo italiano DJs From Mars
Duo italiano DJs From Mars| Foto:

DJs? De Marte? Com máscaras? No começo pode ser confuso de entender, mas quando você ouvir as tracks do duo italiano, tudo fará sentido. A dupla DJs From Mars, um dos nomes mais contratados para shows do mercado da música eletrônica mundial, seguia num ritmo frenético de apresentações e produções energéticas. Com a pandemia do Covid-19, os artistas tiveram que cancelar shows e se adaptar a uma nova rotina, com menos compromissos e mais tempo de sobra, que, por sua vez, foi muito utilizado no estúdio.

O reflexo dessa parada brusca está no novo single dos artistas, “Sunday Morning”, lançado pela label brasileira CONTROVERSIA. A faixa é mais suave que as demais produções do duo italiano, mas carregada de emoção e que traz uma mensagem de positividade sobre saber aproveitar todos os momentos da vida, inclusive aqueles mais simples e singelos.

Os reis dos mashups e bootlegs conversaram com a Gazeta do Povo sobre expectativas para a volta dos shows e até a possibilidade de voltar ao Brasil. Confira!

1. Como “Sunday Morning” foi produzida e de onde surgiu a ideia?

Tudo começou a partir de um vocal antigo que encontramos em nossa pasta de "ideias". Realmente amamos a vibe dele e, principalmente nos últimos meses, gostamos da ideia de descrever um novo sentimento de manhã de domingo. Após anos de turnê ininterrupta, sentimos esta nova emoção de acordar sem estresse e poder e tomar um café em casa, por isso queríamos desenvolver esta ideia também com os sons, criando um clima descontraído. Queríamos que a faixa pudesse tocar num domingo de manhã enquanto fazemos um brunch com a família e amigos!

2. E a oportunidade de lançar na CONTROVERSIA?

Esta foi realmente uma grande oportunidade para nós! Estamos acompanhando os lançamentos da CONTROVERSIA há tempos e finalmente lançar uma faixa pelo selo é uma grande conquista para nós! Entramos em contato com o pessoal da Sana MGMT da Itália, eles enviaram a faixa para a gravadora, a qual gostou imediatamente, e então aqui estamos nós com a faixa lançada por essa grande label. Estamos super animados com isso!

3. A faixa, como você já disse, é uma forma de expressar como foi o ano de 2020: diferente e atípico para todos. Em relação a esse status, vocês têm tempo para descansar? O que mudou na rotina?

Sim, claro, 2020 foi um pouco desafiador para todos, principalmente para nossa comunidade. Tivemos que enfrentar o cancelamento total de vários shows (nosso verão de 2020 já estava totalmente preenchido). Então, sim, a primeira reação foi um pouco triste, nós amamos nosso trabalho, amamos fazer turnê, então ficamos um pouco decepcionados. A partir daí tentamos pensar positivo no meio de uma situação negativa. Procuramos ter uma rotina diária diferente, trabalhando em estúdio pela manhã, descansando, exercitando-se regularmente, tentando aproveitar as coisas simples do dia a dia, como um almoço caseiro ou um dia ensolarado de verão. Tentamos focar na música e tendo mais tempo em estúdio tivemos a chance de cancelar alguns projetos que não gostamos 100%, ou gastar mais tempo em algumas boas ideias ao invés de finalizar projetos em um tempo super curto (como era antes). Não é preciso dizer que mal podemos esperar para voltar em turnê, mas também temos que dizer honestamente que talvez precisássemos dessa pausa após 10 anos da rotina hotel/voo.

4. Como lidar com a falta de shows? Vocês estão perdendo muito ou não?

Como estávamos dizendo, é claro que sentimos falta de tocar ao vivo! É nossa vida! Tivemos a chance de fazer alguns shows no verão passado, quando a pandemia de Covid-19 estava desacelerando na Itália, e a energia daquelas noites foi simplesmente INSANA. As pessoas estão pirando, prevemos que quando essa pandemia acabar, nossa cena vai enlouquecer, as pessoas vão ficar super excitadas e os DJs também! Então, sim, esperando que tudo volte ao normal o mais rápido possível, temos certeza que vai ficar ainda melhor do que antes!

5. Vocês são pessoas positivas e também transmitem isso pela música. Como vocês acham que o público reagirá no primeiro clube ou festival que assistirem vocês tocando?

Nós definitivamente acreditamos que vai ser uma loucura! Como estávamos dizendo, as pessoas mal podem esperar para voltar a festejar todas juntas! Os seres humanos nascem para socializar e compartilhar experiências, essa situação pandêmica é exatamente o oposto do que deveríamos ser! Então, definitivamente acreditamos que isso é apenas uma calmaria antes da tempestade. Quando tudo voltar ao normal, vamos aproveitar cada momento juntos em clubes e festivais a 100000%!

6. Quais são as influências para produções de mashup? Já que vocês são famosos por isso.

Tentamos trazer influências musicais em 360 ° em nossos mashups! Nós literalmente ouvimos todo tipo de estilo de música, amamos hip-hop, amamos rock, heavy metal, reggae, música eletrônica, amamos música clássica também! Há tanta música boa por aí que não queremos perder nada só porque é de um estilo diferente. Não achamos que exista um gênero musical bom ou ruim, achamos que existe música boa e música ruim. Por isso, adoramos trazer guitarras de rock em nossos mashups de electro, ou ir do hip hop downbeat para drops de electro no mesmo bootleg, ou mesmo samplear algumas strings de Beethoven e colocar um pouco de Travis Scott cantando no topo! Nós realmente achamos que não há limites na música, então é por isso que amamos tanto os mashups: sem regras, apenas fazendo o que gostamos, sem limites!

7. Podemos esperar vocês aqui no Brasil este ano, caso os eventos voltem a acontecer?

Nós esperamos que sim! Tocamos no Brasil há alguns anos e a energia era insana! Lembramos disso, tocamos em uma boate, depois fomos dormir, e quando acordamos o after party ainda estava acontecendo na cobertura do hotel! O Brasil é realmente louco quando se trata de festa, então realmente não podemos esperar para voltar em breve! (E também adoramos comida brasileira!)

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]