Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Filha de Valéria Ghisi está sob a guarda do pai na França, Valéria tenta repatriar a criança.
Filha de Valéria Ghisi está sob a guarda do pai na França, Valéria tenta repatriar a criança.| Foto:

O caso de uma mãe curitibana que foi acusada de sequestrar a própria filha após fugir do marido violento será levado ao Senado nesta quarta. Valéria Ghisi falará em uma audiência pública em Brasília contando sua história.

Depois de viver na França e ter uma filha com um francês, ela registrou na polícia boletins de ocorrência sobre atos violentos do companheiro. Acabou voltando para o Brasil com a menina, ainda pequena.

A Justiça, segundo os advogados de Valéria, tratou o caso basicamente como uma extradição de nacional, e mandou a mãe devolver a filha à França. Valéria foi obrigada a voltar e a devolver a filha ao pai.

O caso de Valéria está relatado aqui.

Hoje, ela vive no Brasil e espera há dois anos um julgamento do Tribunal Regional Federal que poderia restituir a guarda da menina.

A audiência pública foi convocada pela Comissão Mista de Combate à Violência pela Mulher do Congresso Nacional e tratará da aplicação da Convenção de Haia nos casos de sequestro internacional de crianças e sua incorreta aplicação no Brasil.

Participarão da audiência   os   ministros   Torquato   Jardim   (Justiça)   e   Aloysio   Nunes  (Relações   Exteriores),   a   ministra-‐chefe   da   AGU   Graice   Mendonça,   além   de   Natália   Camba  (Coordenadora   Geral   da   Autoridade   Central   Administrativa   Federal)   e   a   advogada  Cláudia   Grabois.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]