i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Caixa Zero

Ver perfil

Deputados cogitaram aposentadoria especial para si mesmos. Mas viram que não há clima

  • PorRogerio Galindo
  • 12/07/2017 11:15
Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.
Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.| Foto:

Os deputados estaduais paranaenses chegaram a vislumbrar por esses tempos a possibilidade de voltar a discutir seu plano de aposentadoria complementar. A história está engavetada há um bom tempo por falta de quem banque iniciar o processo num clima de ódio generalizado aos políticos.

A ideia surgiu anos atrás e chegou a ser aprovada no voto, mas Requião, governador à época, se recusou a sancionar. O que falta é só o presidente da Assembleia homologar a proposta. O fundo seria composto por milhões de dinheiro público e os parlamentares entrariam com uma contrapartida.

Neste ano, apareceu uma ideia para “diluir” o custo político do gasto. Todos os presidentes da Assembleias do país fariam o mesmo simultaneamente, numa espécie de projeto nacional. O presidente de cada Legislativo podia dizer que não tinha culpa, e assim por diante.

No entanto, mesmo assim a conclusão foi de que não há clima para isso. Apesar disso, nos bastidores, os deputados continuam insistindo que não seria errado e que, segundo eles, seria até justo. “Tem deputado chegando aos 80 anos e que só vai ter a aposentadoria do INSS”, diz um, sem se identificar.

Engraçado que na reforma previdenciária os políticos não se preocupam com isso…

Siga o blog no Twitter.

Curta a página do Caixa Zero no Facebook.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.