Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
População é mais radical do que deputados na redução da maioridade
| Foto:

A população paranaense em geral é muito mais radical do que os seus representantes na hora de opinar sobre a possibilidade de redução da maioridade penal no país. O tema voltou à tona há duas semanas, com a aprovação na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados de uma Proposta de Emenda à Constituição que aprova a redução para 16 anos.

Uma pesquisa mostra que 96% da população paranaense se diz a favor da redução da maioridade penal para 16 anos em todos os casos ou pelo menos em alguns deles. Entre os deputados em geral (somando estaduais e federais) 56% dizem que a maioridade penal deveria ocorrer aos 16 anos em casos de crimes hediondos, e 23% em todos os casos.

Quando se separa apenas os deputados federais, dos 25 ouvidos, 17 paranaenses dizem que seriam a favor de algum tipo de redução de maioridade. Apenas quatro se disseram favoráveis à manutenção da lei exatamente como ela é hoje (com a maioridade sempre aos 18 anos).

No caso da população, em levantamento feito com exclusividade pelo Paraná Pesquisas para a Gazeta do Povo mostra que 73% dos entrevistados querem redução da maioridade para qualquer crime e 23% exclusivamente nos casos de crimes hediondos.

Entre 27 de novembro e 3 de dezembro de 2014 foram ouvidos 1.530 eleitores paranaenses em 62 municípios. A margem de erro é de 2,5 pontos porcentuais para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

Siga o blog no Twitter.

Curta a página do Caixa Zero no Facebook.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]