Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
A sobremesa com manga, leite e tapioca da China é sucesso.
A sobremesa com manga, leite e tapioca da China é sucesso.| Foto: Sift & Simmer

Desde pequena, bem pequenininha, percebia caras de repúdio quando se sugeria, mesmo de forma hipotética, a combinação do leite com manga. Então, distorcendo o antigo ditado, achei mais juízo do que sorte, evitar por anos a tão temida combinação. Talvez esse receio, essa falta de coragem em provar o que me parecia tão inusitado fosse resultado dos inúmeros “cruz credos” ouvidos a cada vez que a combinação era citada. Mas de verdade, que mal será que faz?

Sorte nossa que a gente cresce, vai perdendo um pouquinho do juízo que nos resta à mesa, vai ficando mais curiosos e arrisca! Pede ao garçom o que conhece e o que não conhece, o que gosta e as vezes o que não gosta tanto, o que consegue ler e o que não tem a mínima ideia do que possa ser, pela simples vontade de desbravar novos sabores, texturas e aromas, de conhecer mais de perto novas culinárias. No restaurante, o cardápio com pratos sugeridos pelo chef, nos levou a tirar a prova dos nove: Bórala, hoje é dia de provar na sobremesa uma receita de manga com leite.

Com esferas menores que as dos sagus mais conhecidos, é mais líquido, com uma mistura equilibrada do doce da manga com leve sabor do leite de coco, servido com mangas em cubinho.
Com esferas menores que as dos sagus mais conhecidos, é mais líquido, com uma mistura equilibrada do doce da manga com leve sabor do leite de coco, servido com mangas em cubinho.| Photo by Ang Sarap

O título, sagu de Manga&Pomelo ( 楊枝 甘露 ), se não fosse pelas pérolas de tapiocas, nada o remeteria ao sagu servido em mesas brasileiras, mas nem por isso menos delicioso. O frescor, resultado da combinação dos ingredientes de uma receita nada mirabolante, imprime sua marca. Sobremesa mais líquida que a nossa versão, com pérolas de tapioca bem menores que as conhecidas por nós, conta com a lembrança leve do leite de coco, o doce da manga, e o suave cítrico da polpa dos gominhos do pomelo salpicados pelo jarrinho que o serviu. A folhinha de hortelã, além de delicada como as perolazinhas de sagu, finalizam com charme o prato, contribui no frescor.

Reconhecida como uma receita contemporânea revigorante, o sagu de manga & pomelo, conquistou a China em meados de 1980 pelas mãos do chef Wong Wing-Chee, chegando a brilhar até no cardápio do jantar do Guia Michelin ed. Ásia 2018. Uma receita com muitos mistérios sobre sua criação. Alguns afirmam inspiração do chef, outros a farta produção de manga e pomelo na região a qual o chef trabalhava, e até mesmo, criação da receita para aproveitamento das sobras de pomelo e manga utilizada nas receitas mais tradicionais. Independente das vertentes e caminhos que a história nos leve, a conclusão é unanime: Que criação fantástica!

Então, advinha, não resisti! Depois de provar e aprovar na mesa do restaurante, preparei a sobremesa em casa. Sua receita simples e generosa nos passa confiança, nos dá a certeza que vamos acertar! E claro, acertei!

Receita simples, generosa,  que encanta pelo sabor refrescante da união da manga aos gominhos do pomelo e a leveza do leite de coco. Esse feito por mim!
Receita simples, generosa, que encanta pelo sabor refrescante da união da manga aos gominhos do pomelo e a leveza do leite de coco. Esse feito por mim!| Photo by Valéria Vicenti
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]