Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Quarentão, Wanderlei Silva usa técnica de Cristiano Ronaldo para rejuvenescer na luta contra Sonnen
| Foto:

Dizem que a recuperação é tão importante para o sucesso de um lutador de MMA quanto o treinamento em si. Confiando nessa lógica, Wanderlei Silva garante que está zerado para voltar ao ringue neste sábado (24), em Nova York, contra o americano Chael Sonnen, seu desafeto declarado.

Aos 40 anos de idade — e sem competir desde março de 2013 –, o paranaense apostou alto em tecnologia para chegar ao duelo em ótima forma física e, principalmente, sem lesões. Quando entrar no cage do Bellator 180, o Cachorro Louco completará 50 lutas na carreira.

“Vai ser uma reestreia para mim, já estou há quatro anos fora [de atividade]. E a tecnologia está proporcionando essa retomada no nível de competição que vocês verão”, conta Wanderlei, que adotou uma inédita e rígida rotina de recuperação pós-treino.

Pelo menos três vezes por semana, durante quase sete meses, o lutador passou por sessões de fisioterapia, com massagem e também utilização de botas pneumáticas, que ajudam na recuperação muscular.

Mas até o cérebro do curitibano passou por estimulação visando um melhor desempenho no ringue. Com auxílio de um aparelho que traça um eletroencefalograma, foi possível fazer a leitura das ondas cerebrais e ajustar as prioridades do cérebro em relação ao corpo com uma terapia por som.

O astro do Real Madrid Cristiano Ronaldo é um dos adeptos da técnica.

“É como se fosse uma acupuntura. O som que ele ouve estimula o cérebro, elimina os parasitas, os tira da corrente sanguínea. Só o fato de limpar o organismo já acelera em até 70% a explosão da musculatura”, explica o fisioterapeuta Adriano Tiezerini, que começou a trabalhar com Wanderlei ainda na época do Pride, no início dos anos 2000.

Wanderlei também melhorou a alimentação na preparação para encarar Sonnen. Ele não come mais alimentos industrializados, fato que o ajudou a perder peso com mais facilidade, e assim garante estar 100% para se apresentar no lendário Madison Square Garden.

“Tenho a bagagem a meu favor. Há 14 anos venha lutando nas maiores arenas do mundo. Desta vez estou lutando fora de casa, tem questão da idade, o tempo sem competir. Então isso torna a luta mais interessante. São dois caras que vão sair na mão, quero dar um show diferente pro pessoal, uma verdadeira apresentação de artes marcial”, promete.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]