Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
A cervejaria trouxe para casa a medalha de bronze pelo estilo White & Belgian IPA, no evento que aconteceu em Valparaíso, no Chile, no final de agosto.
A cervejaria trouxe para casa a medalha de bronze pelo estilo White & Belgian IPA, no evento que aconteceu em Valparaíso, no Chile, no final de agosto.| Foto: divulgação.

Três anos separam a mestre-cervejeira e empresária Isadora Neier da jovem recém formada em relações internacionais. "É pouco tempo, mas parece que foi em outra vida. Arrisquei e mudei de área", contou ao Paraná S/A. Junto o com o sócio, o advogado Eduardo Vosgerau, eles montaram a ØL Beer Cervejas Artesanais, em São José dos Pinhais.

"Começamos fazendo cerveja em casa, como um hobby. Quando decidimos transformar isso em um negócio nos mudamos para Blumenau [em Santa Catarina]. De segunda a sábado, por um ano, ficávamos imersos neste mundo. Nosso objetivo era aprender muito, absorver o máximo", disse Isadora. O curso de mestre-cervejeiro encorajou o casal a abrir a própria fábrica na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

A produção, que inicialmente era terceirizada, "um jeito de testarmos a aceitação do público enquanto a fábrica não ficava pronta", ganhou uma casa de 580 metros quadrados. A fábrica da ØL Beer Cervejas Artesanais, inaugurada em outubro de 2017, fica em um terreno de 1.200 quadrados, e tem capacidade de produzir 60 mil litros de cerveja por mês. Dezesseis funcionários trabalham no local.

Os empresários vendem as cervejas em supermercados da cidade - no modelo chope de garrafa - e em mais de 60 restaurantes e bares da capital e RMC.

Reconhecimento

A White & Belgian IPA da ØL Beer ganhou a medalha de bronze pelo estilo na Copa Cervezas de América - competição internacional criada em 2011 e que premia os melhores rótulos de cerveja artesanal de todo o continente.

A premiação aconteceu em Valparaíso, no Chile, no final de agosto. "É como se tivéssemos ganhado a Copa Libertadores da cerveja", exemplifica Isadora. "É o reconhecimento que faltava para sabermos que estamos no caminho certo", disse a mestre-cervejeira.

A competição reuniu mais de quatro mil pessoas e 459 cervejarias competiram com um total de 1.844 produtos apresentados aos jurados de vários países da América.

A amostra enviada pela ØL Beer foi a Thor Belgian IPA. A cerveja soma vários ingredientes especiais que, juntos, trazem aroma cítrico e sabor picante, além da levedura belga, frutado adocicado e um corpo médio. O IBU da bebida, ou seja, a escala de amargor, é 65 e a temperatura ideal fica entre 6ºC e 9ºC. Por conta da inspiração viking incorporada pela marca, o rótulo da garrafa é representado pelo deus nórdico do trovão, Thor, que é símbolo de guerra e força.

“A ØL Beer é um sonho que vem sendo realizado e já demonstrou ter potencial para seguir por muito tempo. A estrutura que temos hoje é uma das maiores das cervejarias artesanais de Curitiba e o cuidado com que produzimos nossos produtos tem sido essencial para nos firmarmos no mercado. Estar entre os três primeiros colocados em uma competição com quase dois mil concorrentes de 16 países para nós é uma vitória. Com certeza é um impulso para alcançarmos muito mais”, comemora Isadora.

“Temos trazido inspiração de fora e inserido em nossa marca sem deixar de lado a regionalidade e as produções locais. Acreditamos que isso também tem sido um diferencial e é o que tem se provado na aceitação e premiação dos nossos rótulos”, complementa Vosgerau.

Catálogo de produtos

A Thor Belgian IPA da ØL Beer faz parte de um catálogo de cinco produtos fixos da cervejaria. As outras quatro cervejas já estabelecidas são a Baldr Pilsen, que é leve e clara e possui teor alcoólico de 4,5%; Loki American Pale Ale - APA, que é uma cerveja equilibrada entre malte e lúpulo, e tem teor alcoólico de 5,3%; Odin Witbier, que é de trigo, clara, e leva cascas de laranja, limão siciliano além de algumas especiarias na sua receita, tem teor alcoólico de 5,2%; e a quinta é a Valliant Black, uma Oatmeal Stout, cerveja escura, com toque aveludado, aveia e possui teor alcoólico de 5,4%.

Laboratório de ideias

Além desses produtos, a cervejaria possui um projeto chamado UsinØL, que funciona como um laboratório de ideias. Todos os meses, os profissionais da empresa tentam encontrar, de forma experimental e inovadora, novos sabores, aromas e propriedades, que consequentemente se transformam em novas cervejas.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]