Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
C.Vale
Produção da C.Vale, em Palotina: cooperativa espera aumentar produção de farelo de soja| Foto: Marcelo Andrade/Arquivo/Gazeta do Povo

Duas cooperativas paranaenses tiveram aprovação de empréstimos para ampliação da produção e construção de novas estruturas, em um movimento que irá gerar perto de 600 empregos diretos ou indiretos no Paraná. De acordo com o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), C.Vale e Agrária terão, juntas, quase R$ 300 milhões liberados em financiamentos.

O empréstimo concedido à C.Vale permitirá à empresa implantar uma nova unidade de processamento de soja e um novo armazém de grãos em Palotina, região Oeste do Paraná, e uma unidade de beneficiamento, armazenamento e expedição de grãos em Guarapuava, região Centro-Sul. Com o movimento, a cooperativa tende a se tornar autossuficiente na produção de farelo de soja – componente fundamental da ração animal.

O volume disponibilizado pelo banco, de R$ 252,3 milhões, ajudará a empresa na criação de 70 empregos diretos e 500 indiretos

Na Agrária, o financiamento irá ajudar a cooperativa a implantar uma estrutura para recebimento, secagem, beneficiamento, armazenamento e expedição de grãos como feijão, canola, aveia, centeio e triticale. A estrutura, no próprio complexo industrial da Agrária, em Guarapuava, irá gerar 14 empregos diretos na operação. Segundo o BNDES, o volume liberado foi de R$ 32,1 milhões.

gazetadopovo

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]