i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Pedro Menezes

Foto de perfil de Pedro Menezes
Ver perfil
Governo Bolsonaro

Mais Tarcísio, menos Salles

  • Por Pedro Menezes
  • 23/12/2019 21:23
(Vitória da Conquista - BA, 23/07/2019) Presidente da República, Jair Bolsonaro durante Cerimônia de Inauguração do aeroporto Glauber Rocha.rFoto: Alan Santos/PR
O presidente Jair Bolsonaro e o ministro Tarcisio Freitas durante cerimônia de inauguração do aeroporto Glauber Rocha, na Bahia| Foto: Alan Santos/PR

Nelson Rodrigues militava em favor das obviedades. “Só os profetas enxergam o óbvio”, como dizia o anjo pornográfico, maior dos nossos dramaturgos. O primeiro ano de governo Bolsonaro está acabando e o melhor que pode ser dito sobre o governo é o óbvio: há dois governos Bolsonaro. Um é péssimo, o outro é excelente. Um é Tarcísio Freitas, o outro é Ricardo Salles.

Não sou o primeiro a verbalizar esta análise. Gente comum, pelas esquinas de todo o país, diz o mesmo. As últimas pesquisas de opinião pública apontam uma tremenda desigualdade de popularidade entre os membros do governo. No último Datafolha, a Tarcísio Freitas (avaliação como ótimo/bom) é o único cuja aprovação supera o dobro da reprovação (ruim/péssimo). Salles está no outro extremo: é o único cuja reprovação supera a aprovação. Logo atrás de Abraham Weintraub, o ministro do meio ambiente é o segundo mais reprovado. No outro extremo, está Tarcísio, com a menor reprovação entre os ministros que fizeram parte da pesquisa.

A mesma avaliação aparece em ex-integrantes do governo, como Gustavo Bebianno, assim como no presidente da Câmara, Rodrigo Maia. O governo de Salles é, em essência, o exato oposto do governo de Tarcísio.

Lulistas e bolsonaristas tem lutado contra o óbvio. Estes dizem que o governo do capitão é perfeito. Aqueles não aceitam diagnóstico que não seja de desastre completo. A verdade, como é usual, está no meio. Isto não significa que o governo foi genericamente marcado por erros e acertos. Algumas áreas do governo saem de 2019 com acertos imensos e resultados históricos. Outros foram marcados por erros crassos e resultados desastrosos.

Entre as boas novas, é possível citar o acordo entre União Europeia e Mercosul, a aprovação da reforma previdenciária, o envio de 3 PECs importantíssimas por Paulo Guedes ao fim do ano, o isolamento dos chefes do crime organizado em penitenciárias federais e a redução nos homicídios. Feitos de Moro e Guedes.

Os dois ministros mais famosos do governo entregaram feitos respeitáveis neste ano. Ambos aprovaram seus primeiros projetos na Câmara. A reforma previdenciária já foi finalizada, faltando apenas a inclusão de estados e municípios. O pacote anti-crime ainda precisa tramitar um pouco mais no Congresso, mas andou ao longo do ano.

Mas superministros também tiveram maus momentos. O plano de subsídios ao emprego de jovens é duro de engolir. Mas nada se compara à posição de Guedes no debate sobre reforma tributária, incompreensível com sua trajetória como economista. O ministro chegou ao ponto de defender a guerra fiscal do ICMS e propor a volta da CPMF com outro nome.

É por isso que Tarcísio se destaca como o grande ministro deste primeiro ano de governo. Seus colegas também tiveram bons momentos, mas Tarcísio se diferencia pela pequena quantidade de erros. A expansão da malha ferroviária, empurrada com a barriga desde o início do século 20, foi uma das grandes novidades de 2019. Além disso, as expectativas importam: Tarcísio era um desconhecido até o início do governo, enquanto Guedes e Moro eram vistos como portadores da esperança nacional. Hoje, é o ministro da infraestrutura quem simboliza a luz no fim do túnel. Seus resultados acima do esperado devem gerar doces frutos ao longo das próximas décadas. Mesmo com o governo quebrado, estamos caminhando bastante em alguns fronts da logística nacional.

Se Moro, Guedes e Tarcísio representam o melhor do governo, o oposto deve ser dito sobre Ricardo Salles e Ernesto Araújo. Os ministros do meio ambiente e das relações exteriores inclusive colocaram sob risco o acordo com a União Europeia. Com a fusão de ministérios, Guedes superou trincheiras protecionistas de Brasília para atender a algumas exigências dos europeus na negociação. Sob a liderança do secretário Marcos Troyjo, missão foi cumprida.

O problema é que também existem trincheiras protecionistas na Europa. Os pecuaristas locais, por exemplo, não ficaram muito felizes com a concorrência brasileira. Salles e Ernesto, por outro lado, trabalharam para fortalecer os opositores da integração comercial.

O Brasil já se comprometeu a combater o desmatamento amazônico em diversos acordos diplomáticos. No meio do ano, Salles demitiu Ricardo Galvão, presidente do INPE, por divulgar números que sinalizavam um aumento expressivo do desmatamento neste ano. Disse que os números, baseados em medições preliminares, eram sensacionalistas e não representavam a realidade.

Quando os dados oficiais e precisos saíram, apareceu o maior crescimento do desmatamento amazônico neste século. No lugar de planos de ação para cumprir o que prometemos ao mundo, Salles entregou desculpas esfarrapadíssimas. No máximo, diz que está cuidando de temas como o saneamento – sem contar que seu primeiro ato foi passar a Agência Nacional de Águas, nova responsável pela regulação da água e esgoto, para o comando do ministério de Osmar Terra. É sintomático que os técnicos do meio-ambiente sejam demitidos enquanto os técnicos da infraestrutura comandam o ministério com autonomia -Tarcísio, engenheiro com longa experiência no tema, é um deles.

O desastre no meio ambiente teria sido menor se um chanceler respeitável trabalhasse para melhorar a imagem do Brasil pelo mundo. Porém, o Itamaraty tem sido comandado por um diplomata pouco diplomático. Ao invés de resolver conflitos, Ernesto cria novos. Ao invés de diminuir a temperatura em parlamentos europeus, facilitando a aprovação rápida do acordo comercial, Ernesto deu motivos para a oposição. A esquerda francesa, por exemplo, perdeu qualquer pudor e se aproximou do PT em meio à confusão que nos metemos junto a uma nação amiga.

Assim como as praias do Nordeste, o governo teve um 2019 marcado por substâncias que não se misturam – água e óleo, picaretagem ideológica e seriedade. Dada a incompatibilidade entre ambas, é esperado que uma dessas duas forças predomine a médio prazo. Torço para que o presidente use o primeiro ano de governo para seguir a máxima que dá título a esta coluna. Um futuro com mais Tarcísio e menos Salles colocaria Bolsonaro como um dos melhores governantes da história do nosso país. Caso o contrário prevaleça, é bom aproveitar o natal para renovar as orações. O Brasil vai precisar delas.

28 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 28 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • N

    nico faria

    ± 8 dias

    Liberteen....

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    DENISSON HONORIO DA SILVA

    ± 10 dias

    Caro articulista, a pluridade de opiniões é benefica para o engrandecimento do dialogo. Mas reflita se você não está sendo usado por alguém ounpor grupo de pessoas. Reflita a respeito de suas leituras e componentes ideológicos. Não queira atingir a idade provecta com pensamentos obtusos como esta de****da do PC do B que ser orgulha de ser comunista.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Murilo Menin Flores

    ± 12 dias

    Quando você citou como fonte de pesquisa o Datafolha já no início do seu texto, parei de ler na hora.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • H

    Harold

    ± 13 dias

    Artigo assinado por Pedro Menezes, aquele que confirmou nas redes sociais que votou no Haddad.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Ricardo de Aquino Salles

    ± 14 dias

    Além da clara ideologia e militância, o despreparo do articulista é gritante. Comete erros elementares: Ricardo Galvao do INPE era subordinado do MCTIC Marcos Pontes, portanto não foi Salles que o demitiu. O Desmatamento atual é 1/3 do que já foi em 2004 e 2005. A ANA agência de aguas, foi transferida por Bolsonaro e não por Salles, e pare o MDR de Gustavo Canuto, não Osmar Terra. Enfim, a ignorância e despreparo é dai pra baixo...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Rômulo Viel

    ± 14 dias

    O articulista já rotula como "erros" as ações avaliadas pela popularidade. Erro mesmo é esse critério, oras.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Celito Medeiros

    ± 14 dias

    Mais Garcias e menos Menezes e Mendes!... Mais Freitas, Salles, Moro na 'porta da frente'!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    FERNANDO LUIZ POZZOBON

    ± 14 dias

    É de textos como este e de pesquisas como esta que chegamos a conclusão que precisamos dos ministros que temos Sales , Weintraub, Ernesto . Que continuem com seus trabalhos .

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carlos Henrique Silva de Souza

    ± 14 dias

    Pesquisa baseada em Datafolha, não merece crédito, da arrependimento até de ter começado a ler, pelo amor de Deus.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • L

    Lucas Antony

    ± 14 dias

    Concordo que Tarcísio é o melhor ministro de Bolsonaro, mas as críticas ao Salles são bem superficiais. Ele é vítima de terrorismo ambiental com motivações econômicas, como durante o acordo com a União europeia. E chega a ser ridícula uma pessoa como Marina Silva (em cujos anos no ministério houve recorde de desmatamento) criticar um ministro do meio ambiente equilibrado.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Austríaco-PR

    ± 14 dias

    O texto é muito ruim. Tarcísio é ótimo, mas ao contrário dos outros 3 ministros citados, é um ministério fácil de conciliar o técnico com o ideológico, uma vez que até esquerdista defende infraestrutura. Também, ajudou por ter criado um ministério do zero, com total liberdade para montar uma equipe. Agora, o Salles enfrenta uma agenda internacional de confisco e Controle, legitimada por uma suposta mudança climática antropocêntrica que se utiliza de uma rede militante de ONGs que ganham verbas milionárias apenas por existirem.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • A

      Austríaco-PR

      ± 14 dias

      Já o ministro da educação, é excelente. Encara além da militância Universitária grupos de interesse que desejam criar uma nova JBS da educação. Na minha opinião faz um trabalho heróico. Quanto ao ministro do MRE, os resultados dos diversos acordos internacionais falam por si e seu texto está descasado da realidade. Você parece que pegou um rascunho feito pelo FHC, com idéias da Tabata, que foram ditadas pelo grande empresário amigo dela.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 14 dias

    E mais, é só faltou o nobre articulista dizer que o desmatamento, incêndios foi por culpa do Salles, ou do governo Bolsonaro, né? Como se o governo tivesse feito leis para que facilitasse o desmatamento, hein? É muita desonestidade intelectual. É entrar na narrativa da esquerda hipocrita, de ONGs que mamam ou mamaram na grana farta dos impostos. Os Macrons da vida se acham donos da nossa amazônia. Querem impor suas políticas tortas na marra. E a nossa soberania? . E o desenvolvimento da região? Preservar sim!, mas desenvolve-la sustentavelmente é o caminho.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    André PC

    ± 14 dias

    Parei de ler no primeiro parágrafo. Falar que o ministro Salles é ruim é ser desonesto.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eden Lopes Feldman

    ± 14 dias

    Discordo da avaliação de Salles e Weintraub. São ótimos ministros, corajosos que enfrentaram uma militância vociferante mas inútil , que ganha importância pela imprensa chamada de progressista. Eles defendem a realidade, e atuaram de forma firme e vigorosa para eliminar erros políticos e eliminar ONGs e grupos universitários ideológicos e perigosos. Parabéns a eles. De resto, o colunista até acertou muitas coisas. Mas precisa de um "choque de realidade". Para entender melhor o que acontece, sem devaneios.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NEY PEREIRA DE ALMEIDA

    ± 14 dias

    Esse papo de que o homem atrapalha o Planeta é coisa dê boçal esquerdopata. Somos menos que uma bactéria na superfície da Terra. O clima está esfriando, ao contrário do que dizem os ******s. O carbono é fundamental para as plantas. Estas alimentam os animais e nós. A Terra já foi cerca de 3 graus mais quente na época do Egito. Quando a produção de alimentos era muito farta. Quem defende essa baboseira do Clima e da “ecologia” marxista tem intenções de implantar o medo na cabeça dosidiotas que nada leem e nada sabem. Os países nórdicos e da Europa Ocidental acabaram com suas matas e, agora, precisam de fontes de energia, caríssimas, e querem nos vender Usinas Atômicas para nós.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NEY PEREIRA DE ALMEIDA

    ± 14 dias

    Esse papo de que o homem atrapalha o Planeta é coisa dê boçal esquerdopata. Somos menos que uma bactéria na superfície da Terra. O clima está esfriando, ao contrário do que dizem os ******s. O carbono é fundamental para as plantas. Estas alimentam os animais e nós. A Terra já foi cerca de 3 graus mais quente na época do Egito. Quando a produção de alimentos era muito farta. Quem defende essa baboseira do Clima e da “ecologia” marxista tem intenções de implantar o medo na cabeça dosidiotas que nada leem e nada sabem. Os países nórdicos e da Europa Ocidental acabaram com suas matas e, agora, precisam de fontes de energia, caríssimas, e querem nos vender Usinas Atômicas para nós.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carmo Augusto Vicentini

    ± 14 dias

    Salles e Weintraub são ótimos! Abaixo a datafalha!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NEY PEREIRA DE ALMEIDA

    ± 14 dias

    Um artigo que se baseia em pesquisa do Data Folha, não merece nem ser lido. Ricardi Sales é ótimo Ministro. Os que dizem o contrário deveria ler - pelo menos - 1/3 do Relatório do Clima, produzido pelos cientistas (a parte que já se demitiu da ONU). Lá se.ve comprovado o Marxismo Cultural e o Oportunismo de países - como Alemanha - que querem nos convencer a comprar Usinas Atômicas, para com o lucro tornar gratuita as que precisam, na proporção de 3 para 1. É que eles não tem rios nem espaço para fazer hidrelétricas. Às fontes limpas que temos por aqui.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Evandro

    ± 14 dias

    Difícil ter alguém que combate os ecoportunistas com vigor e sem meias palavras. Salles é uma nova liderança que se impõe a uma agenda muito antiga de conversa fiada ( muito cara a nossos competidores agrícolas) que seríamos irresponsáveis com o ambiente. Estão testando a temperatura do óleo de fritura? Tá fria!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Admar Luiz

    ± 14 dias

    Maior desmatamento do século? Kkkkk Cara, vc é um desses defensores do meio ambiente, que acha que feijão da em gôndolas de supermercados, né? Sales está fazendo uma revolução na área. Está remando contra o status quo reinante que quer o manter sobre o cabresto de ONGs e governos esquerdistas o atrazo e a pobreza dos que vivem na região. O tempo saberá dar o crédito ao min Sales. É preciso um choque de gestão e de competência para que a amazônia possa ter desenvolvimento com preservação. O resto é mimo de gente como o nobre colunista, hein?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • E

    Eduardo Prestes

    ± 15 dias

    Bom, "o maior crescimento do desmatamento amazônico neste século" foi CINCO vezes menor do que o desmatamento durante a gestão Lula / Marina Silva. Acho que está bem melhor agora... E existe desmatamentos justificáveis, a floresta não deve ficar intocada, impedindo a atividade econômica. Segundo o código florestal em vigor, VINTE por cento da Amazônia pode ser aproveitada para atividades agro-pastoris. Na medida em que houver mais trabalho e riqueza na região, haverá impactos controlados na floresta. Salles e Weintraub são excelentes ministros. São perseguidos por enfrentarem feudos da esquerda, onde desviavam dinheiro público e “lutavam contra o capitalismo malvadão”.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    RENATO KARAM SALTORI

    ± 15 dias

    Concordo plenamente. Se nos livrarmos das amarras ideológicas temos tudo para fazer a economia crescer e, com isso, enfiar as reformas goela abaixo do Congresso e esvaziar o superego das vedetes do STF. Se, ainda, sacrificarem o zeroum e calarem os outros mimadinhos e os mequetrefes da própria direita, tudo pode dar muito certo, já que os zumbis vermelhos estão mais decrépitos que nunca.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Renato John

    ± 15 dias

    Lidar com ecochatos é muito complicado, muito dinheiro envolvido para ONGS que não cumprem seu papel. A esquerda domina o tema do meio ambiente de maneira totalmente distorcida. Parabéns para o Ministro Ricardo Salles por enfrentar essa mídia desonesta regiamente paga por ecologistas de araque

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • E

      Eduardo Prestes

      ± 15 dias

      Dou fã do Salles, um excelente ministro. E ele está certo em mudar o foco da preservação ambiental para as cidades, onde a degradação é evidente. Os esquerdinhas querem morar na floresta com tudo pago, nunca vi ONG interessada em saneamento urbano, mesmo com todos os rios podres que temos no Brasil.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Roberto Garcia

    ± 15 dias

    Ora, faltou ponderar quais os ministérios são alvos preferidos da esquerda para minar o governo. Até as criancinhas da rua sabem que o meio ambiente e a educação são a ponta de lança de suas estratégias. Independente de quem esteja lá e faça boa ou má administração. Isso é “óbvio ululante”, o que não quer dizer que os ministros são bons mas sim que tem que observar isso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • E

      Eduardo Prestes

      ± 15 dias

      Educação e Meio-Ambiente são áreas dominadas por esquerdistas, que dependem de verbas públicas para sobreviver e seguir com sua militância “anti-capitalista”. Por isso o pânico deles com o Salles e o Weintraub, as mamatas estão secando.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.