Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Evento em Ponta Grossa, nesta sexta-feira (5), com a participação do presidente Bolsonaro
Evento em Ponta Grossa, nesta sexta-feira (5), com a participação do presidente Bolsonaro| Foto: Gazeta do Povo

Em visita nesta sexta-feira (5) ao município de Ponta Grossa, nos Campos Gerais paranaenses, o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), formalizou a entrega da ampliação do Sistema de Abastecimento de Água do Município. Executada pela Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), a obra contou com investimento federal de R$ 46,6 milhões, de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), por meio do Programa Avançar Cidades, além de contrapartida de R$ 5,2 milhões do governo do Paraná.

Receba as principais notícias do Paraná em seu celular

A obra de ampliação deve atender 358 mil moradores dos bairros Uvaranas, Maria Otília e Los Angeles, além de garantir a regularidade na distribuição de água tratada para toda a população do município. “Temos, hoje, cerca de 100 milhões de brasileiros sem tratamento de água e esgoto adequados. E a falta de acesso a serviços básicos como esse coloca em risco a saúde da população, além de ser um problema ambiental”, destacou o secretário nacional de Saneamento, Pedro Maranhão. “Investir em saneamento é prioridade deste governo. Estamos focados em ofertar a cada dia mais qualidade de vida aos brasileiros”, acrescentou.

O empreendimento é formado por oito estações elevatórias, 103,3 km de redes/adutoras e dois reservatórios com capacidade para 5 mil m³ de água cada. Além da ampliação do sistema de abastecimento de água, foram realizadas instalações elétricas, projeto de urbanização e infraestrutura para a travessia da população.

Regularização fundiária e títulos de propriedade

No ato público desta sexta-feira, em Ponta Grossa, o presidente Jair Bolsonaro, por meio da Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (órgão vinculado ao Ministério da Economia), também oficializou a cessão, ao município de Paranaguá, de um imóvel da União, localizado na Ilha de Valadares, para viabilizar a regularização fundiária para cinco mil famílias que ocupam a ilha.

O imóvel, avaliado em R$ 141 milhões, tem 4,5 milhões de m² e é ocupado desde a década de 1950.

Em Ponta Grossa, Bolsonaro também participou da inauguração simbólica da pedra fundamental da Maltaria Campos Gerais, que pretende ser a maior maltaria da América Latina, com a geração de 3 mil empregos, e recebeu uma série de homenagens.

Horas depois, em Castro o presidente participou de mais um ato público com a entrega simbólica de mais de 5 mil títulos fundiários definitivos e provisórios pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). "Em 14 anos, o governo anterior entregou 10 títulos de propriedade ao estado do Paraná. Nós estamos entregando 5.750 títulos. Esses títulos dão garantia às famílias de que as terras são delas, livram essas famílias da dependência do MST. E isso é um recado para quem tem por método invadir propriedades. Não será desapropriada nenhuma propriedade invadida por sem-terra. O direito à propriedade, neste governo, é sagrado", declarou o secretário de assuntos fundiários do Governo Federal, Luiz Antônio Nabhan Garcia.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]