Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Gleisi Hoffmann e Roberto Requião já fizeram dobradinhas eleitorais no Paraná
Gleisi Hoffmann e Roberto Requião já fizeram dobradinhas eleitorais no Paraná| Foto: Reprodução / Twitter

Assim que divulgado o resultado da convenção estadual do MDB, com a derrota da chapa do ex-governador Roberto Requião e seu anúncio de que deixará o partido, a presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, deputada federal Gleisi Hoffmann manifestou-se nas redes sociais abrindo as portas do PT ao ex-governador.

“Requião, você combateu e combate a boa luta. Esses do MDB q te venceram hoje não têm compromisso com o povo, mas com os próprios interesses. Fique certo q não te faltará trincheira para ser candidato ao governo do Paraná. Estamos juntos”, escreveu a deputada.

O presidente do PT do Paraná, deputado estadual Arilson Chiorato, seguiu o mesmo caminho. “Requião é defensor dos mais necessitados, do Estado progressista, da função social das empresas públicas e da luta por justiça social. Existem outros partidos que defendem verdadeiramente isso. Espaço partidário não lhe faltará para disputar o governo do Paraná”, escreveu o deputado no Twitter.

Requião já havia sido formalmente sondado pelo PSB para disputar o governo do estado pela sigla que, recentemente, filiou Marcelo Freixo, no Rio de Janeiro e Flávio Dino, no Maranhão. No Paraná, no entanto, há um obstáculo a essa filiação. Mais da metade da bancada de deputados estaduais do PSB é formada por ex-parlamentares do MDB, que deixaram o partido por atrito com Requião. Agora, o ex-governador tem a sinalização do PT, além de já ter conversado com lideranças do PDT.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]