Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
fila vacina
| Foto: JONATHAN CAMPOS/AEN

A Comissão Especial de Investigação (CEI) da Assembleia Legislativa do Paraná que que investiga fraudes na fila de imunização contra a Covid no estado já recebeu mais de mil denúncias de fura-fila, das quais, 99 são de pessoas que teriam sido vacinadas utilizando CPF de pessoas que já morreram. A comissão já fez diligências e solicitou informações a 39 prefeituras, onde esses casos foram identificados.

“Esses casos dos mortos são emblemáticos pela fraude, mas há várias outras situações chegando a quase mil denúncias de pessoas que se vacinaram fora do Plano Nacional de Imunização”, afirmou o deputado Delegado Francischini (PSL), presidente da Comissão.

“Temos tomado muito cuidado com as denúncias. Não estamos aqui para destruir o trabalho vital das prefeituras e equipes de saúde na vacinação, que é o único caminho para sairmos desta crise de saúde e econômica. Nosso objetivo é dar transparência à imunização. Todos querem ser vacinados. A hora vai chegar, o importante é esperar o calendário, porque há um critério científico para definir as prioridades na vacinação”, reforçou o deputado.

3 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]