Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Visual atualizado em 2016 deu novo fôlego para Onix ampliar a sua vantagem em vendas. | Chevrolet  / Divulgação
Visual atualizado em 2016 deu novo fôlego para Onix ampliar a sua vantagem em vendas.| Foto: Chevrolet  / Divulgação

O Chevrolet Onix simplesmente não toma conhecimento da concorrência e a cada mês amplia o abismo que o isola no topo do ranking dos carros mais vendidos no país. 

Em outubro, o hatch compacto registrou o seu recorde de emplacamentos desde que assumiu a liderança, em 2015. 

Foram 22.324 unidades comercializadas, superando os 21.763 de agosto, até então o melhor desempenho nas lojas carro. É único modelo a passar a casa dos 20 mil  emplacamentos/ mês desde 2014.

>> Fim do segredo: nova geração do Prisma vaza na internet

Para se ter uma ideia deste fenômeno espantoso, as vendas somadas em outubro do Ford Ka, que assumiu a segunda colocação na briga, e o Hyundai HB20, que cai para terceiro, não alcançam as do Onix - o primeiro fez 10.461 e outro, 9.361.

Modelo é o preferido dos frotistas. A venda direta representou mentade dos emplacamentos em outubro. Chevrolet / Divulgação

No acumulado de 2018, o Onix registra 168.540, contra 88.116 do HB20 e 85.918 do Ka. Graças essa impressionante performance do seu hatch, a Chevrolet é a marca que lidera com 17,17% da fatia do mercado automotivo brasileiro, seguido de Volkswagen, 14,88%, e Fiat, 13,39%.

Mas qual é o segredo do Onix para vender tanto e estar no topo do ranking há 39 meses consecutivos?

>> Nova geração do Onix terá estreia antecipada e com motor 1.0 turboflex

Listamos cinco pontos que respondem a essa pergunta. Confira:

PREFERIDO NAS VENDAS DIRETAS

A marca adota um estratégia eficiente nesta modalidade de negócio, que envolve frotistas, principalmente locadoras e prestadoras de serviço.

Basta dar uma olhada nos carros daquela operadora de TV por assinatura ou da empresa de telefonia para perceber que boa parte dos hatches tem a gravata dourada da Chevrolet ostentada na grade.

Em outubro, metade dos modelos Onix negociados foram por venda direta: 11.314 unidades - em 2018, a soma chega a 68,2 mil carros.

>> Fiat Uno Turbo deve ganhar releitura em motor 1.3 turbo

REDE NUMEROSA E PREÇOS

Chevrolet é uma das marcas no Brasil como o maior número de concessionárias. São cerca de 600 lojas espalhadas pelo país, e com uma eficiente rede de distribuição, que deixam o carro mais perto do consumidor.

A versão entrada Joy mantém o visual antigo do compacto.Chevrolet / Divulgação

A marca mantém uma versão de entrada com o visual antigo, chamada Joy, cujo preço é bastante competitivo: R$ 44,5 mil. O Ka começa em R$ 46 mil e o HB20, em R$ 43,5 mil. 

A Joy representa 30% do mix de vendas do modelo; a LT 1.0 e 1.4 (a partir de R$ 48.690 e R$ 55.350), 35%; a LTZ 1.4 (R$ 59.950), 15%; a Activ 1.4 (R$ 63.090), 10%, e a Effect 1.4 (R$ 58.470) e Advantage 1.4 (R$ 56 mil) fecham o restante da procura.

>> Os 10 carros flex campeões em baixo consumo no Brasil

A versão Activ entrega uma apelo aventureiro ao carro e tem o seu público.Chevrolet / Divulgação

ROSTINHO BONITO E CONTEÚDO

Apesar de ter sido lançado há quase seis anos, o projeto do Onix ainda é atual, especialmente após a reestilização de 2016. 

O compacto exibe linhas harmônicas e bonitas,  o que costumam seduzir o consumidor brasileiro quando o assunto é carro. 

Para complementar, há nervuras laterais no capô que dão um ar de esportividade, complementadas pelas assinaturas próprias em led.

Por dentro, há um bom gosto geral. O plástico predomina, mas tem a aparência de “plástico bom”. As peças são funcionais, discretas e pequenas (maçanetas, saídas de ar, comandos em geral). 

Soma-se também o painel de instrumentos que mescla mostradores analógico (conta-giros) e o digital (velocímetro, computador de bordo e dados da viagem).

>> Os dez carros automáticos mais baratos no Brasil

O acabemento do Onix é correto, com plástico de boa qualidade e um desenho de painel moderno.Chevrolet / Divulgação

A conectividade é outro aspecto que conta mais pontos para o comprador na escolha do veículo. E isso o Onix se destaca dentro do segmento. Ele foi um dos primeiros hatches compactos a trazer central multimídia, hoje presente em quase todas as versões.

O MyLink é compatível com os sistemas de espelhamento Android AutoApple CarPlay, vem com câmera de ré e ainda oferece o serviço OnStar de monitoramento remoto do veículo, que tem entre outras funções a de concierge e até ajudar na recuperação do veículo roubado.

A central multimídia MyLink é uma das mais completas do segmento e já possui conexão Apple CarPlay e Android Auto.Chevrolet / Divulgação

BOM DE ACELERAÇÃO E CONSUMO

 

Quem realiza o test drive antes de comprar o carro ficará satisfeito com o desempenho do Onix. Sobretudo com a leveza da direção elétrica e o motor 1.4, de até 106 cv e 13,9 kgfm, associado ao câmbio automático de 6 velocidades.

Cada vez mais os motoristas estão de olho em modelos que dispensam o uso da embreagem e Onix a procura já passa dos 40%.

O carro tem fácil resposta nas saídas de semáforo e também quando exigido em velocidades maiores a 120 km/h o conta-giros aponta confortáveis 3.500 rpm.

O painel de instrumento mescla mostradores digital e analógico. Chevrolet / Divulgação

 

Sem contar que a posição de dirigir é alta, mesmo na regulagem mínima, e o o painel é baixo, o que dá a sensação de estar num monovolume.

Os números de consumo são satisfatórios, um argumento e tanto para quem busca um carro neste segmento. São 14,9 km/l na estrada e de 12,5 km/l na cidade, com gasolina, e 10,2 km/l e 8,6 km/l, com etanol, respectivamente.

BAIXA DESVALORIZAÇÃO E BOA FAMA NAS OFICINAS

Se tem uma coisa que o brasileiro não gosta é perder dinheiro numa negociação. Por isso a depreciação tem forte influência na compra. E Onix está entre os carros que menos perdem valor ao sair da concessionária - entre os compactos é o campeão neste quesito.

Segundo levantamento da KBB Brasil, empresa especializada na cotação de veículos, o índice de desvalorização do hatch é de apenas 7% no primeiro ano de uso e 14% no segundo ano, considerando a versão LT 1.0, a mais procurada.

Os bancos dianteiros tem uma posição mais elevada, mesmo na regulagem mínima.Chevrolet  / Divulgação

A média, somada todas as versões, é de 10,2% no primeiro ano  e 17,2%, dois anos depois de deixar a loja.

O modelo tem ainda boa fama nas oficinas quando o assunto é manutenção ou reparo/ troca de peças. 

Modelo Outubro 2018
Chevrolet Onix 22.324 168.540
Ford Ka 10.461 85.918
Hyundai HB20 9.361 88.116
VW Gol 8.973 61.505
Chevrolet Prisma 7.716 57.395
Fiat Strada 7.199 56.290
Fiat Argo 6.881 52.900
Jeep Compass 6.163 50.517
VW Polo 6.090 57.915
Renault Sandero 6.060 43.848
Renault Kwid 5.940 52.578
Toyota Corolla 5.928 48.857
Fiat Toro 5.659 48.693
Honda HR-V 5.352 40.936
Hyundai Creta 5.026 38.886
Fiat Mobi 4.997 41.902
Nissan Kicks 4.663 38.447
Ford Ka Sedan 4.319 31.772
VW Voyage 4.256 27.737
VW Virtus 4.159 33.439
SIGA O AUTO DA GAZETA NO INSTAGRAM
Visualizar esta foto no Instagram.

QUE TAL ESTACIONAR PELA CHAVE? Carro que liga remotamente pela chave já não é mais novidade no mercado brasileiro. Agora, que estaciona sozinho, apenas atendendo aos comandos do motorista do lado de fora do veículo, isso sim ainda é inédito no país! Era. A BMW lançará no mês que vem a versão 2019 do Série 7, primeiro automóvel produzido em série no mundo em que é possível manobrar remotamente. Por meio da chave inteligente também se consegue ligar os potentes faróis a laser, capazes de iluminar 10 vezes mais que as luzes convencionais halógenas. O feixe alto tem alcance de 600 metros. E ainda acionar o ar-condicionado, checar dados do veículo, como nível de combustível e óleo do motor, entre outras funções. Por dentro, o conforto é extremo. Quem vai atrás, por exemplo, tem à disposição um apoio para os pés fixado no banco da frente, ao melhor estilo classe executiva de companhias aéreas. O Serie 7 com os novos equipamentos será uma das atrações da BMW no Salão Internacional de São Paulo, que ocorre de 6 a 18 de novembro. #bmwdobrasil #bmwserie7 #sedaluxo #tecnologia #carropremium #carros #automoveis #cargram #instacar #gazetadopovo Imagens: #trovao_renyere

Uma publicação compartilhada por Automóveis Gazeta do Povo (@autogazetadopovo) em

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]