Colunistas

Flor de Sal

Chocolate quente de avelãs: confira o passo a passo

Saboroso e versátil, o cacau pode ser utilizado em uma grande variedade de preparos. Confira um deles com a chef e colunista, Gabi Mahamud

por Gabi Mahamud, colunista da Flor de Sal Publicado em 30/07/2019 às 18h
Compartilhe

Ele é considerado o queridinho da confeitaria e faz manha! Precisa da temperatura ideal para ser trabalhado, deixa evidente a menor falha e, se não for bem torrado, o sabor pode variar de “incrivelmente saboroso” para “gosto de terra”. Em uma receita que leva chocolate, a qualidade do cacau faz toda diferença, especialmente se ele ocupar o papel principal! Um bom cacau precisa ter aroma forte, intenso e moagem bem fina. Geralmente, os bons de verdade são mais caros, mas se você é mesmo fã, vale muito a pena o investimento.

chocolate-quente-gabi-mahamud

Chef Gabi Mahamud ensina a fazer chocolate quente de avelãs. Foto: divulgação/Flor de Sal.

>>>Mais cacau? Menos açúcar? Entenda o que é o chocolate amargo

Apesar de estar fortemente vinculado à confeitaria, o cacau é muito versátil. Seu sabor amargo e aroma amadeirado permitem muitos desdobramentos dentro da cozinha. Em sua apresentação mais convencional (barra de chocolate), ele leva a combinação mais prazerosa da gastronomia: gordura + açúcar. Essa combinação é capaz de nos fazer felizes instantaneamente pois acaba estimulando a produção de serotonina. Isso faz com que seu consumo seja absurdamente alto e, hoje em dia, já especulam a extinção do cacau.

Saboroso e versátil, o queridinho das sobremesas e dos dias de TPM pode ser combinado com inúmeros outros sabores por contraste ou por similaridade, mas são poucos os corajosos que ousam com esse ingredientes em mãos. No livro “o dicionário dos sabores”, encontramos combinações mil para pratos diversos, tais como: alecrim, anis, avelãs, beterraba, cardamomo, castanhas, couve-flor, figos, groselha, limão, melancia, noz-moscada, tomilho, manjericão, queijo, rosas, tomate, entre outros – talvez mais óbvios ou muito estranhos. Isso sem falar no chocolate branco.

Parece estranho, mas a experiência vale a pena. A primeira receita que fiz usando uma combinação inusitada foi um fudge de chocolate com castanhas e tomilho, e eu me apaixonei perdidamente. Inclusive, já passei a receita em um dos meus artigos por aqui. Enquanto isso, com esse friozinho, vamos no trivial, mas não menos maravilhoso: chocolate quente de avelãs.

Confira o passo a passo da receita no vídeo abaixo:

>>>Depois do chocolate naturalmente rosa, marca lança chocolate lilás

VEJA TAMBÉM:

Compartilhe

8 recomendações para você