Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Curitiba
  3. Nova plataforma promete facilitar encontro de animais domésticos perdidos no PR

serviço

Nova plataforma promete facilitar encontro de animais domésticos perdidos no PR

Serviço on-line do governo dá espaço para um cadastro exclusivo de pets sob tutela em todo o estado

  • Gazeta do Povo
 | André Rodrigues/Gazeta do Povo
André Rodrigues/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Plataforma recém-lançada pelo governo do Paraná promete facilitar o encontro de animais de estimação perdidos. Batizada de Pet Amigo, a ferramenta on-line funciona como um cadastro que vai reunir todas as informações possíveis sobre os animais, sejam eles domésticos ou domesticados. Dessa forma, os registros formarão um grande banco de dados com todos os bichos sob tutela no estado.

-Leia também: Novas matrículas para rede municipal de ensino de Curitiba começam nesta quinta (6)

Assim, podem ser cadastrados gatos, cachorros, répteis, roedores, equinos, furões e outros animais criados em ambiente doméstico. Além de dados como nome, raça e idade, será possível subir fotos com características que identifiquem o animal, como manchas e cicatrizes.

“Todas as informações sobre os animais de estimação vão estar reunidas em um único lugar, o que ajudará também no reconhecimento daqueles que se perderam dos tutores, facilitando a volta deles ao lar”, disse a governadora Cida Borghetti (PP) durante o lançamento da plataforma, no último domingo (2).

Como cadastrar

Um dos campos disponíveis no formulário é o número do chip eletrônico, vendido por clínicas veterinárias. Implantado sob a pele do animal, o chip contém informações sobre procedência e um número de identificação do bicho - o que torna mais fácil as buscas em caso de perda do animal.

-Leia também: Aumento do pedágio no Paraná já tem data para ser definido

O acesso ao novo serviço exige que o tutor tenha cadastro na Plataforma Governo Digital, que concentra serviços básicos aos cidadãos, como consulta ao IPVA e informações sobre o Bolsa Família, por exemplo. O acesso é feito pelo site próprio do programa.

Também é necessário ter a Identidade Digital, disponível para quem fez recentemente uma coleta biométrica por meio da emissão de documentos como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou a Carteira de Identidade. Quem ainda não fez, é só procurar os postos e totens do Detran ou do Instituto de Identificação do Paraná para fazer o cadastro.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE