Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) avaliou nesta quarta-feira, após reunião com representantes do governo e da indústria de cana-de-açúcar, que "não foram constatados sinais de descontinuidade no abastecimento de etanol".

O encontro contou com a participação de representantes do Ministério de Minas e Energia, do Ministério da Agricultura e de agentes econômicos, com o objetivo de avaliar o suprimento de etanol no mercado brasileiro neste momento de pico de entressafra no país.

"Com base nos dados e informações apresentados e examinados na sala não foram constatados sinais de descontinuidade no abastecimento de etanol. A ANP continuará avaliando o comportamento do mercado", afirmou a agência, em breve comunicado.

A oferta apertada no mercado brasileiro levou até a importações do biocombustível.

A moagem de cana no centro-sul do Brasil (a principal região produtora do país) deve começar em abril, o que colaborará para o aumento da oferta.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]