i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Construção civil

Para enfrentar escassez de aço, empresas se unem e importam matéria-prima da Turquia

  • 11/12/2020 11:46
Para enfrentar escassez de aço, empresas se unem e importam matéria-prima da Turquia
| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

Para driblar a falta de aço no mercado nacional, empresas do setor de construção civil se reuniram em uma espécie de cooperativa para importar a matéria-prima da Turquia. De acordo com o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado do Paraná (Sinduscon-PR), um pedido de 20 mil toneladas de aço deve desembarcar no porto de Itajaí nos próximos dias. A cooperativa atende empresas dos três estados da Região Sul.

"Se o mercado nacional estivesse atendendo a demanda, não haveria a necessidade de importar aço da Turquia. O problema é que as empresas têm cronogramas de obras para executar, e não podem ficar paradas porque não conseguem comprar aço ou cimento", explica Paulo Ercole, vice-presidente de Prestação de Serviços do Sinduscon-PR.

Segundo Ercole, mesmo com o dólar alto, o preço do aço importado tem sido inferior ao do nacional, por conta da escalada de preços vivida pelo setor durante a pandemia do novo coronavírus.

Além da construção, outros setores da indústria, como o automobilístico, também sofrem com a falta de matéria-prima e o aumento no preço dos insumos. Nesta semana, por exemplo, o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Carlos Moraes, afirmou que a produção de autoveículos pode parar pela falta do insumo.

Nesta quinta-feira (10), por outro lado, o presidente da Companhia Siderúrgica Nacional, Benjamin Steinbruch, negou que esteja havendo falta de matéria-prima.

"Tem gente que quer passar uma falsa imagem de falta de produtos no mercado e isso não é bom porque não é verdade. O que aconteceu é que, como a perspectiva da economia estava muito ruim, todos foram obrigados a diminuir a produção a partir de março. Então, por falta de pedidos, a cadeia como um todo desativou as linhas de produção. Com a volta dos pedidos, a produção também está voltando", afirmou, segundo relato do Estadão Conteúdo.

9 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 9 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • C

    Celito Medeiros

    ± 1 horas

    A Indústria de Tabaco (fumo, cigarros) do Brasil, exporta fumo excedente ou de classificação sem uso, com impostos perto de zero, ao Paraguai. Lá são fabricados cigarros e contrabandeado ao Brasil. Tudo feito por Brasileiros, mas falam mal do Paraguai. Basta fazer um comparativo com o nosso aço in natura, a exportação bruta a preços insignificantes e depois... Bem, depois é algo a ser visto e revisto e estes dados, são difíceis de serem obtidos. Na Petrobrás, abafa, pois foi ainda pior, especialmente o caso Pasadena. Assim, privatizar tudo é não ficar no prejuízo causado, mesmo a empresas com lucros, imaginem as deficitárias!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • M

      MICHAEL GUSTAV ADOLF MULL

      ± 1 horas

      A CSN nega falta de aço no BR. Acredito , desde que pague sobrepreço.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      1 Respostas
      • C

        Cético

        ± 1 horas

        Michael, você é o presidente da CSN?

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

    • M

      Marcio Nichele

      ± 2 horas

      Oportunismo. Houve um aumento de 42% no preço do aço para construção civil nos últimos 4 meses.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • E

        Elias Quadros

        ± 3 horas

        E a Vale jorrando nosso minério para fora do Brasil. Dá-lhes privateiros!! Privatiza a Petrobrás também que daí nem gasolina vai ter aqui dentro.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        3 Respostas
        • M

          Marcio Taveira

          ± 2 horas

          O problema não é a privatização e sim a falta de concorrência ao colocar barreira para importação de materiais, como cimento e aço. Quer ver os preços baixarem: Retirem barreiras de importação.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

        • T

          Talison Motta Ramos

          ± 2 horas

          Tiozando: infelizmente, parece que a indústria automobilística também está sofrendo e lá não devem usar sucata.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

        • T

          Tiozando

          ± 2 horas

          Não se faz vergalhão com minério, usa se sucatas. E as poucas unidades que conseguem usar minério produzem chapas com ele que tem valor agregado muito maior.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

      • S

        Sr. Walker

        ± 3 horas

        Brasil país onde o futuro nunca acontecerá.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        Fim dos comentários.