165227

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Logotipo Futebol 2019
PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Athletico
  4. Guanaes espera ‘reforços’ do time principal do Athletico na final do Estadual

maratona

Guanaes espera ‘reforços’ do time principal do Athletico na final do Estadual

  • Moreno Valério
Técnico Rafael Guanaes espera contar com o elenco completo para a decisão do Estadual | Jonathan Campos/Gazeta do Povo
Técnico Rafael Guanaes espera contar com o elenco completo para a decisão do Estadual Jonathan Campos/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Athletico decidirá o título do Paranaense 2019 no próximo domingo (21), às 16h, na Arena da Baixada, contra o Toledo. Porém, a equipe principal do Furacão joga na quarta-feira seguinte (24), pela 5.ª rodada da Libertadores, contra o Jorge Wilstermann, na Bolívia.

Ao todo, 13 nomes estão inscritos nas duas competições: os goleiros Léo e Caio; os zagueiros Paulo André, Zé Ivaldo e Robson Bambu; o volante Erick; os meias Matheus Rossetto, Léo Cittadini e João Pedro e os atacantes Gabriel Poveda, Anderson Plata, Bergson e Jáderson.

>> TABELA PARANAENSE 2019: confira a classificação, resultados e próximos jogos

O técnico da equipe de aspirantes, Rafael Guanaes, espera contar com força máxima para a partida de volta contra o Toledo, especialmente após o revés por 1 a 0 na ida, que deixou o Porco em vantagem (joga pelo empate).

“Vai ser construído no decorrer da semana. Vamos conversar com o Tiago [Nunes, técnico da equipe principal] e construir o planejamento. É o último jogo e é importante poder contar com toda ajuda e força possível”, declarou Guanaes.

Na derrota por 1 a 0 nesse domingo (14), em Toledo, os Aspirantes contaram com sete jogadores dessa lista, sendo seis titulares: Léo, Zé Ivaldo, Robson Bambu, Erick, Bergson e Jáderson; Gabriel Poveda entrou no segundo tempo.

No entanto, apenas três atletas disputaram as duas competições, todos com apenas um jogo na Libertadores e os demais no Paranaense. São eles: Zé Ivaldo (cinco jogos no Estadual), Paulo André e Léo Cittadini (ambos com três jogos)

A proximidade entre as partidas gera um impasse no elenco do Furacão, pois há um desgaste maior aos jogadores que forem relacionados para as duas partidas. Além disso, há possíveis problemas de logística, diante do grande deslocamento para o clube chegar ao território boliviano. A distância entre Curitiba e Cochabamba, cidade do jogo, é de 2.536 km.

Veja imagens do jogo:

Escreva ou cole aqui o seu script HTML

Confira o lance a lance e a ficha técnica de Toledo x Ceará

***

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>