035118

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Athletico
  4. TJD-PR determina fim da ‘torcida humana’ do Athletico no Paranaense

paranaense

TJD-PR determina fim da ‘torcida humana’ do Athletico no Paranaense

  • Vinicius Cordeiro, especial para a Gazeta do Povo, e Adriano Ribeiro
  • Atualizado em às
TJD-PR determinou fim da torcida única. | Marco Charneski/Tribuna do Paraná
TJD-PR determinou fim da torcida única. Marco Charneski/Tribuna do Paraná
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Por unanimidade, o Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) determinou, em julgamento realizado na noite desta quinta-feira (7), o fim da ‘torcida humana’ do Athletico no Paranaense 2019.

Os clubes visitantes que forem atuar na Arena da Baixada deverão solicitar ingressos com até três dias úteis de antecedência. O Furacão terá de cedê-los, além de separar um setor no estádio para a torcida adversária, sem restringir vestimentas ligadas ao oponente.

O Rubro-Negro só poderá instituir a torcida humana se a equipe visitante não solicitar as entradas no prazo estabelecido. Justamente por faltarem menos de três dias úteis para a próxima rodada, o jogo com o Cianorte, no domingo (10), às 17h, ainda será com torcida única.

“O Athletico, quando mandante, deve disponibilizar 10% dos ingressos à torcida visitante em cinco pontos físicos, deixando de restringir o acesso dos torcedores por qualquer tipo de vestimenta, além de ter um setor reservado a esses torcedores”, defendeu o relator do caso no TJD-PR, César Augusto Ramos Gradela.

Desde maio do ano passado, em parceria com o Ministério Público do Paraná (MP-PR), o Rubro-Negro instituiu a torcida única em suas partidas na Arena. Intitulada pelo clube de “torcida humana”, a regra proíbe torcedores do time adversário de entrarem na Baixada com uniformes e adereços, além de não destinar um setor específico do estádio para visitantes.

A posição do relator foi acompanhada por todos os sete auditores do Pleno do Tribunal, incluindo o presidente Adelson Batista que criticou duramente a torcida humana.

“ Se é um projeto [torcida humana], o projeto tem que tomar corpo. Ninguém teve acesso. Foi uma reunião. Eu nunca havia lido. Fui ler a ata disso e pensei se era aquilo o projeto mesmo. Se quer uma torcida só, vamos mudar de esporte ou jogar videogame”, disparou.

O Athletico pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e vai exercer esse direito. O advogado do clube, Paulo Henrique Golambiuk, afirmou que, no mais tardar na segunda-feira, o Rubro-Negro entrará com o recurso na instância superior.

LEIA TAMBEM:

>> Se o Atletiba fosse “humano”, já estaria morto pela cartolagem

>> Atletiba, a farsa da “torcida humana” e o Athletico no mundo da fantasia

Atletiba humano

A discussão em torno do projeto sugerido pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR) e abraçado pelo Furacão atingiu o ápice no clássico contra o Coritiba, 30 de janeiro, na Arena da Baixada, pela 4.ª rodada da Taça Sicupira, o primeiro turno do Estadual.

>> TABELA PARANAENSE: confira a classificação e os próximos jogos do Estadual

Na ocasião, a procuradoria do TJD obteve liminar favorável derrubando o modelo de torcida adotado pelo Athletico, que proíbe visitantes de usarem a camisa do próprio time e os obriga a ficarem espalhados no estádio em meio à torcida mandante.

O Furacão desobedeceu a liminar e o duelo aconteceu com “torcida humana”. O Coritiba protestou duramente nas redes sociais, além de estampar na camisa de jogo frases de protesto contra a medida. O presidente alviverde, Samir Namur, comparou a medida a uma “ditadura fascista”.

A questão do descumprimento da liminar será julgada em outra data.

****

Notícias do Athletico

Você pode receber mensagens instantâneas, via WhatsApp, para ficar bem informado sobre tudo o que vai acontecer no Paranaense, Libertadores, Brasileirão, Recopa, Copa Suruga, Copa do Brasil e até alguns dos piores momentos dos rivais – assim como vídeos e fotos exclusivas de jogos e treinos. Para receber diariamente as principais notícias, resultados e classificação, basta seguir os passos abaixo. É muito simples. Junte-se a nós na lista de transmissão de notícias do Furacão. Seja bem-vindo ao nosso grupo!

Grupo de WhatsApp futebol

O futebol no seu celular. Você pode receber mensagens instantâneas, via WhatsApp, para ficar bem informado sobre tudo o que vai acontecer nos principais clubes do país. Para receber diariamente as principais notícias, resultados e classificação, basta seguir os passos abaixo. É muito simples. Junte-se a nós no Brasileirão 2018!!! Seja bem-vindo ao nosso grupo!

*

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE