Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Na primeira Copa da sua carreira, Hernanes destacou estar surpreso com o carinho que a seleção vem recebendo nessa fase de preparação para o torneio | Albari Rosa/Gazeta do Povo
Na primeira Copa da sua carreira, Hernanes destacou estar surpreso com o carinho que a seleção vem recebendo nessa fase de preparação para o torneio| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O atacante Neymar é o nome mais falado da seleção brasileira e a principal esperança para a Copa do Mundo, mas jogadores bem menos comentados também podem ajudar a equipe a conquistar o sexto título mundial. Foi o que lembrou o meia Hernanes ao destacar a consistência defensiva da equipe dirigida por Luiz Felipe Scolari, que não sofreu gols nas últimas três partidas, incluindo os amistosos disputados na semana passada, diante do Panamá (4 a 0) e da Sérvia (1 a 0).

"A expectativa é muito boa. Estamos tendo uma preparação excelente, com todos concentrados no objetivo. Tivemos dois testes. O Panamá, um time de menor expressão, um jogo simples. A Sérvia, um adversário com bons jogadores, defesa organizada e serviu de teste porque vamos pegar equipes assim. Muitos jogos de Copa são decididos por 1 a 0. Mostramos solidez defensiva", disse Hernanes, em entrevista à CBF TV.

O meio-campista da Inter de Milão destacou que o futebol está muito equilibrado e qualquer detalhe pode fazer a diferença, incluindo a vantagem do Brasil de disputar a Copa em casa. "O futebol está muito competitivo e deve demorar para aparecer a supremacia de uma seleção. Temos chances, somos uma grande seleção e jogamos em casa", afirmou.

Na primeira Copa da sua carreira, Hernanes destacou estar surpreso com o carinho que a seleção vem recebendo nessa fase de preparação para o torneio. Agora, ele espera que a equipe aproveite esse apoio contagiando o seu torcedor com atuações convincentes.

"Estou impressionado como o torcedor brasileiro é apaixonado pela seleção e pelo futebol. Onde passamos eles estão presentes, ficam horas esperando por um contato visual. Isso tem me surpreendido muito, me deixado impressionado com a paixão. Temos que usar isso a nosso favor. Se dermos a possibilidade deles se inflamarem, ficará muito bonito", afirmou.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]