Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Pela primeira vez a Holanda terminou uma participação sem nenhuma derrota | Reuters
Pela primeira vez a Holanda terminou uma participação sem nenhuma derrota| Foto: Reuters

A Holanda vai embora do Brasil depois da Copa do Mundo com dois grandes feitos. Com a vitória neste sábado por 3 a 0 sobre a seleção brasileira, neste sábado, em Brasília, pela primeira vez a equipe terminou uma participação sem nenhuma derrota e ainda conseguiu o feito inédito na história da competição de ter usado todo o elenco ao longo da campanha.

Os 23 jogadores convocados pelo técnico Louis Van Gaal tiveram a oportunidade de atuar pelo menos por poucos minutos ao longo dos sete jogos. O último a ter entrado em campo foi o goleiro reserva Michel Vorm, que aos 48 minutos do segundo tempo substituiu Cillessen. A alteração já tinha sido cogitada antes por Van Gaal, que na Copa já tinha tomado outra decisão inusitada.

Nas quartas de final, contra Costa Rica, o treinador promoveu a entrada do terceiro goleiro, Tim Krul, nos acréscimos da prorrogação. A aposta se deu pelos 1,93m de altura e o talento de Krul em defender pênaltis. E a tentativa teve êxito, pois o camisa 23 espalmou as cobranças de Bolaños e Bryan Ruiz e classificou a equipe para a semifinal.

O Brasil, em 2002, e a Itália, em 2006, já tinham chegado perto do feito de usar os 23 jogadores ao longo da campanha. Nessas duas ocasiões, faltaram para os italianos apenas escalarem somente os goleiros reservas durante os jogos da Copa do Mundo.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]