165328

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Futebol
  4. Árbitro salva vida de jogador que sofreu convulsão em campo na Argentina

primeiros socorros

Árbitro salva vida de jogador que sofreu convulsão em campo na Argentina

  • Folhapress
Árbitro Yael Falcón Perez trabalha como salva-vidas e socorreu o jogador do San Miguel e campo. | Telám
Árbitro Yael Falcón Perez trabalha como salva-vidas e socorreu o jogador do San Miguel e campo. Telám
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Um árbitro foi o grande herói da partida do último sábado (22) entre San Miguel e Defensores Unidos pela Primeira C metropolitana da Argentina -o equivalente à quarta divisão nacional. O juiz salvou um jogador que sofreu uma convulsão em campo.

- Vídeo - assista o momento em que o árbitro salva o jogador

O juiz Yael Falcón Perez teve uma reação imediata ao ver o jogador Isaías Olariga sofrendo um colapso no gramado. O árbitro trabalha como salva-vidas também e, portanto, os conhecimentos de primeiros socorros o ajudaram a preservar a saúde do jogador.

“Quando se está virado para cima, a principal causa de morte é o sufocamento pela língua. O que eu fiz, foi colocado em uma posição de segurança e a língua na lateral para permitir a respiração”, falou o árbitro em entrevista ao jornal “Clarin”.

Isaías caiu no gramado depois de sofrer uma cabeçada em cobrança de escanteio.

Após o incidente, Isaías foi levado de ambulância para um hospital próximo à região do estádio do Arsenal, localizado na periferia de Buenos Aires. Os médicos disseram que ele sofreu um hematoma intracerebral e um afundamento do crânio.O jogador passará por cirurgia.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>